Cotidiano

Para limpar pasto, fazendeiro ateia fogo em vegetação, mas é multado em R$ 4,3 mil pelo incêndio

PMA flagrou o momento em que as chamas estavam ativas

Fábio Oruê Publicado em 30/07/2021, às 20h48

Vegetação incendiada era resultante de uma atividade de limpeza de pastagem
Vegetação incendiada era resultante de uma atividade de limpeza de pastagem - Foto: Divulgação / PMA

Um homem de 58 anos foi multado em R$ 4,3 mil após colocar fogo em vegetação para limpar pasto de fazenda, na região da colônia Cachoeira do Apa, em Porto Murtinho, na última quinta-feira (29). 

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental), a corporação fazia a fiscalização nas propriedades rurais do município quando flagrou o uso do fogo em vegetação para limpeza do pasto.

A vegetação incendiada era resultante de uma atividade de limpeza de pastagem de uma área de 4,35 hectares. As atividades foram interditadas e o infrator, que mora em Porto Murtinho, foi orientado quanto a proibição da queima, principalmente em épocas de estiagem. 

Colocar fogo em vegetação em períodos secos é perigoso devido a velocidade do vento e possível alastramento do fogo para ouras áreas.

Jornal Midiamax