Cotidiano

MS registrou chuvas 81,3% acima do esperado para o mês de janeiro

O mês de janeiro foi marcado por muita chuva e tempo nublado em Mato Grosso do Sul. Os dias de sol foram raros e o Estado registrou chuvas 81,3% acima do esperado para o mês, que ainda nem acabou. Somente em Campo Grande, foram registrados 358,4 mm de chuva, enquanto em janeiro do ano passado […]

Mylena Rocha Publicado em 28/01/2021, às 12h54

 (Foto: Leonardo de França, Midiamax)
(Foto: Leonardo de França, Midiamax) - (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

O mês de janeiro foi marcado por muita chuva e tempo nublado em Mato Grosso do Sul. Os dias de sol foram raros e o Estado registrou chuvas 81,3% acima do esperado para o mês, que ainda nem acabou. Somente em Campo Grande, foram registrados 358,4 mm de chuva, enquanto em janeiro do ano passado foram 164,8 mm.

Dados da Estação Meteorológica Uniderp apontam que o esperado para o mês de janeiro era de 212,6 mm. O meteorologista Natalio Abrahao Filho aponta que a cidade que recebeu mais chuvas foi Corumbá, a 425 km da Capital. A cidade branca registrou um volume de 557,4 mm de chuva, enquanto o esperado para o mês era de 145,4 mm. Ou seja, choveu 283% acima do esperado.

Aral Moreira, a 372 km de Campo Grande, também registrou um volume expressivo de chuvas, com 523,8 mm. O esperado para janeiro no município era um volume de 171,1 mm. Ainda segundo dados da Estação Meteorológica Uniderp, Rio Brilhante registrou 388,7 mm de chuva em janeiro, enquanto o esperado era de 185,1 mm.

Outras cidades que tiveram um volume expressivo de chuva em janeiro foram Angélica (375,6 mm), Maracaju (342,8 mm), Dourados (328,2 mm), Caarapó (325 mm) e Aquidauana (305,4 mm).

Jornal Midiamax