Cotidiano

MS recebe 13,2 mil doses de Coronavac para completar vacinação de idosos com mais de 80 anos e profissionais de Saúde

Imunizantes da Coronavac foram entregues no sábado; Ministério da Saúde também liberou uso de mais de 100 mil doses armazenadas no Estado.

Humberto Marques Publicado em 21/03/2021, às 15h04 - Atualizado às 15h04

Foto: Edemir Rodrigues, Subcom-MS
Foto: Edemir Rodrigues, Subcom-MS - Foto: Edemir Rodrigues, Subcom-MS

Das 47.400 doses de Coronavac enviadas a Mato Grosso do Sul no sábado (20) para imunização contra o novo coronavírus, 13,2 mil foram destinadas para a aplicação da segunda dose (a D2) para os pacientes que participaram da quinta etapa, de 25 de fevereiro.

A medida deve contemplar, em maioria, idosos com mais de 80 anos e trabalhadores da Saúde, conforme planejamento divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde em edição extra do Diário Oficial do Estado, publicada também no sábado.

Além das vacinas entregues, o Ministério da Saúde autorizou neste domingo (21) o uso imediato de vacinas que foram reservadas pelos Estados para a D2. As vacinas enviadas no sábado chegaram sem a recomendação para reserva da segunda dose.

Só Mato Grosso do Sul tem 103.814 aplicações que foram guardadas das etapas anteriores, a fim de aplicar a segunda dose e concluir o esquema vacina contra a Covid-19. O montante equivale a 28% das 371,6 mil doses entregues desde o início da campanha de imunização.

O Ministério da Saúde informou que autorizou o uso diante da garantia dada pela Fiocruz (fabricante nacional da Covishield, elaborada pela Oxford/AstraZeneca) e Instituto Butantan (que faz a Coronavac em parceria com a Sinovac).

Conforme o planejamento da SES para aplicação das imunizações, das 13,2 mil doses, 12.017 serão destinadas a idosos com mais de 80 anos e 1.093 para complementar o esquema vacinal de profissionais de Saúde.

Para Campo Grande, foram 5.170 vacinas entregues para a D2, sendo 4.756 para idosos com 80 anos ou mais e 414 para profissionais de Saúde. Confira abaixo a destinação de imunizantes para o complemento do esquema vacinal em todos os municípios do Estado.

Jornal Midiamax