Cotidiano

MS lidera ranking nacional que mais distribuiu doses da vacina de coronavírus aos municípios

O Ministério da Saúde divulgou, nesta segunda-feira (25), um balanço da distribuição da primeira remessa da vacina Coronavac. O ranking nacional aponta que Mato Grosso do Sul lidera na maior quantidade de doses da imunização contra coronavírus distribuída aos municípios. Com 86,8% de desempenho na distribuição da vacina, o Estado está a 17,6 pontos porcentuais […]

Karina Campos Publicado em 26/01/2021, às 15h35

Chegada das primeiras 158 mil doses da Coronavac na semana passada em MS. (Foto: Leonardo de França, Midiamax)
Chegada das primeiras 158 mil doses da Coronavac na semana passada em MS. (Foto: Leonardo de França, Midiamax) - Chegada das primeiras 158 mil doses da Coronavac na semana passada em MS. (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

O Ministério da Saúde divulgou, nesta segunda-feira (25), um balanço da distribuição da primeira remessa da vacina Coronavac. O ranking nacional aponta que Mato Grosso do Sul lidera na maior quantidade de doses da imunização contra coronavírus distribuída aos municípios.

Com 86,8% de desempenho na distribuição da vacina, o Estado está a 17,6 pontos porcentuais a frente do segundo colocado, Sergipe, que tem índice de 69,2%. Os dados da Secretaria de Vigilância Sanitária são do dia 18 a 23 de janeiro e por isso o painel ainda não considera a última entrega, feita ontem (25), de 10 mil doses da Coronavac.

MS lidera ranking nacional que mais distribuiu doses da vacina de coronavírus aos municípios
Balanço divulgado pela Vigilância Sanitária. (Foto: Reprodução)

Segundo a SES (Secretaria Estadual de Saúde), das 180.760 doses recebidas, 156.974 chegaram aos municípios e outras 23.786 estavam em trânsito. Até o momento, o Estado recebeu cerca de 190 mil doses. No dia 18 de janeiro: o primeiro lote com 158 mil doses da vacina Coronavac; e o segundo lote no dia 24 de janeiro com 22 mil doses da vacina AstraZeneca/Oxford.

O secretário da pasta, Geraldo Resende, explicou que o lançamento do ‘Vacinômetro’ pretende dar mais transparência ao número de pessoas vacinadas e o quantitativo da vacina disponível para vacinação do grupo prioritário.

“O painel será público e apresentará os seguintes dados das vacinas: total de vacinas recebidas; a quantidade de doses aplicadas; aplicação das doses por grupos prioritários; além da consulta por laboratório fornecedor”, disse.

Cinco cidades receberam mais quantidade da vacina por conta do maior número de pessoas do grupo prioritário: Dourados com 30.598 doses, em seguida Campo Grande com 26.806, Amambai com 11.932, Miranda (11.700) e Aquidauana (8.446). A distribuição está sendo feita pelas polícias Militar e Civil e Corpo de Bombeiros.

Jornal Midiamax