Cotidiano

Mortas em acidente na BR-262 eram professora de Campo Grande e a nora

Nas redes sociais, amigos deixam homenagens para 'Cidinha'

Evelin Cáceres e Renata Volpe Publicado em 23/12/2021, às 10h33

None
(Foto: Divulgação)

Foram identificadas nesta quinta-feira (23) como Maria Aparecida da Cruz, de 49 anos, e Lídia Bastos Monteiro, de 36 anos, as duas mulheres mortas em acidente na BR-262 na quarta, a 100 quilômetros de Corumbá. Maria era conhecida como 'Cidinha' e era professora em Campo Grande e coordenadora de capacitação e empregabilidade da SUBJUV (Subsecretaria de Juventude do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul). Já Lídia era a sua nora. 

Nas redes sociais, parentes e amigos deixam mensagens para a professora, conhecida como bem humorada entre os colegas. Ainda nesta quarta, Cidinha deixou várias mensagens engraçadas no seu perfil em rede social. O perfil da Escola Estadual Amando de Oliveira prestou homenagens à professora, assim como a Subsecretaria, que emitiu a nota de pesar:

"O Conselho Estadual da Juventude do Estado de Mato Grosso do Sul vem por meio desta nota externar nossa profunda tristeza diante do trágico falecimento da professora Maria Aparecida Cruz, coordenadora de capacitação e empregabilidade da SUBJUV (Subsecretaria de Juventude do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul). Cidinha era parceira e amiga do CONJUV, além atuar com a promoção de políticas de qualificação dos jovens em MS. Lamentamos a perda tão prematura da Profª Cidinha, vítima de acidente de carro com outra vítima fatal e mais dois feridos. Desejamos as mais profundas condolências aos amigos e familiares, por essa perda irreparável". 

O acidente

O acidente aconteceu próximo à região do Buraco das Piranhas. De acordo com o jornal Diário Corumbaense, o carro em que elas estavam, um Logan, de cor branca, saiu da pista e colidiu violentamente contra uma árvore, às margens da rodovia. Os corpos de Lídia e Maria Aparecida, que estavam na parte da frente do veículo, ficaram presos às ferragens. Outras duas pessoas, homem de 29 anos, e uma adolescente de 13 anos, estavam no banco de trás. Ele sofreu cortes no braço esquerdo, na perna direita e diversas escoriações no corpo. A adolescente apresentava cortes nos dois braços e fratura na clavícula direita. 

Ambos estavam conscientes, receberem atendimento emergencial de equipes do Corpo de Bombeiros Militar e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e foram levados para o pronto-socorro de Corumbá. 

Os bombeiros usaram ferramenta hidráulica para retirar os corpos das vítimas. A Polícia Rodoviária Federal também deu apoio, controlando o tráfego no local no momento do acidente. 

Jornal Midiamax