Cotidiano

Internações aumentam e população deve evitar reuniões no Dia das Mães, diz Saúde em MS

Depois de leve queda, média de infectados e de internações aumentou nos últimos dias

Mylena Rocha Publicado em 07/05/2021, às 11h53

Estado voltou a registrar mais de mil internações.
Estado voltou a registrar mais de mil internações. - Henrique Arakaki/Midiamax

O Dia das Mães está próximo e as autoridades de saúde pedem que a população evite aglomerações em Mato Grosso do Sul. Segundo dados da SES (Secretaria de Estado de Saúde), o número de casos e de internações por coronavírus voltou a aumentar e um descuido durante a data comemorativa pode trazer graves consequências em MS. 

O secretário estadual de saúde Geraldo Resende fez um apelo à população. Ele comentou que todos os feriados trazem repercussões nos dados do coronavírus em MS.

“Todos os feriados, desde o Dia das Mães no ano passado, os ajuntamentos, as aglomerações, têm repercussão 14, 28 dias depois. [Espero] que as pessoas discutam como prestar uma homenagem às nossas genitoras, não podemos fazer um dia tão especial e depois verificar que ocorreram mortes, internações, mais casos”.

A secretária adjunta Crhistinne Maymone pediu que as pessoas tenham muito cuidado com as reuniões em família, principalmente porque o Estado passa por um novo aumento no número de casos diários de coronavírus e de internações. Qualquer mudança no cenário da pandemia pode levar a saúde de MS a um novo colapso. 

Dados da SES mostram que a média móvel de casos diários passou por uma leve queda. Na quarta-feira (5), MS registrou uma média de 874 casos novos. Porém, nesta sexta (7) a média móvel já está em 933 casos. 

Com relação às internações, também houve um novo aumento. Depois de muito tempo com mais de mil pacientes internados em leitos clínicos e de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), MS passava por um leve declínio. Por quatro dias, o Estado registrou menos de mil internados, mas o número voltou a subir e nesta sexta-feira (7) chegou a 1.052 internações.

Jornal Midiamax