Cotidiano

Filhote de anta é atropelado por trator e voluntários fazem cirurgia de emergência para salvá-lo

Fábio Oruê Publicado em 07/05/2021, às 15h23

Filhote após ser operado
Filhote após ser operado - Foto: PMA/ Divulgação

Um filhote de anta foi atropelado por um trator gradeado, na tarde de quinta-feira (7), em Batayporã, e precisou passar por uma cirurgia de emergência. 

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental), um agricultor de 34 anos levou o animal ferido até o quartel da corporação a procura de socorro. Ele contou que trabalhava na terra e não viu a anta que estava escondida em uma moita de capim. 

Os policiais recolheram o animal e, devido à gravidade das lesões, o levaram para uma clínica veterinária em Nova Andradina, onde ele foi entregue aos cuidados dos médicos veterinários Evandro Trachta e Eduardo Alda, que voluntariamente têm ajudado a PMA nos casos de animais silvestres e domésticos feridos.

Filhote durante o procedimento com os médicos veterinários (Foto: Divulgação/ PMA)

Os profissionais realizaram uma cirurgia de recomposição em uma das patas que estava fraturada, medicaram e estabilizaram a saúde do filhote.

Quando a anta estiver com a saúde estabilizada, será encaminhada ao CRAS (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) de Campo Grande, que cuidará dela até sua possível reintrodução na natureza.

A PMA também informou e agradeceu aos médicos veterinários de vários municípios de Mato Grosso do Sul que ajudam voluntariamente a corporação no tratamento dos animais encontrados em situação de maus-tratos, bem como aqueles vários animais encontrados atropelados em estado grave.

Jornal Midiamax