Com histórico de comorbidades e após enfrentar parada cardiorrespiratória como complicação pela Covid-19, o ex-secretário-adjunto da SAS (Secretaria Municipal de ), Sérgio Wanderly Silva, de 54 anos, alta hospitalar, recebeu neste sábado (23).

Foram quase 30 dias internado na Santa Casa de lutando contra a doença. Sérgio Silva começou a se sentir mal no domingo (27 de dezembro), quando procurou atendimento no CRS (Centro Regional de Saúde) do Bairro Tiradentes. Ele foi transferido para a Santa Casa no mesmo dia. No dia 28, sofreu uma parada cardiorrespiratória e precisou ser entubado, chegando a ter 50% do pulmão comprometido.

A saída do hospital gerou comoção entre amigos e familiares. “Acabou meu amor! Vamos pra casa papai! Você venceu! A equipe Santa Casa Venceu! Amigos e família que tanto oraram venceram! Obrigada a todos. Estamos sem palavras”, disse a filha dele, em postagem no .

Durante a internação, foi publicada a do adjunto da SAS porque sua cedência – vigente desde 2017 – encerrou em 31 de dezembro. Ele é concursado em São Gabriel do Oeste e presidente do Ceas-MS (Conselho Estadual de Assistência Social de Mato Grosso do Sul)