Cotidiano

Em uma semana, casos confirmados de dengue duplicam em MS

Nos últimos sete dias, os casos confirmados de dengue em MS foram duplicados. Foram 89 novos infectados na última semana.

Dândara Genelhú Publicado em 27/01/2021, às 14h03

Agentes do CCZ durante fiscalização da dengue | Foto: Divulgação.
Agentes do CCZ durante fiscalização da dengue | Foto: Divulgação. - Agentes do CCZ durante fiscalização da dengue | Foto: Divulgação.

Nos últimos sete dias, os casos confirmados de dengue em Mato Grosso do Sul foram duplicados. Foram 89 novos infectados na última semana. Assim, até esta quarta-feira (27), o Estado já possui 158 confirmações da doença.

De acordo com o boletim epidemiológico, publicado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), as notificações atingiram a marca de 724 nesta semana. Sendo 315 novos casos prováveis foram registrados em MS.

Então, a cidade que mais concentra casos confirmados é Campo Grande, com 68. O segundo colocado é Rio Brilhante, que possuía 50 cidadãos doentes. Outros municípios que registraram casos são: Corumbá (9), Ladário (6), Três Lagoas (6), Aparecida do Taboado (2), Bonito (2), Dourados (2), Maracaju (2), Ponta Porã (2).

Marcaram apenas um caso confirmado: Anaurilândia, Antônio João, Bela Vista, Caarapó, Chapadão do Sul, Deodápolis, Japorã, Jardim e Terenos. Até semana passada, os municípios estavam em no máximo médio índice de incidência.

Entretanto, nesta semana, Antônio João atingiu alta incidência de dengue. São 399,1 casos prováveis para cada100 mil habitantes. Por fim, Santa Rita do Rio Pardo, Pedro Gomes, Três Lagoas, Ladários, Rio Brilhante e Camapuã.

Jornal Midiamax