Cotidiano

Em noite de feriado, fiscalização dispersa 712 pessoas nas ruas e encerra festa com aglomeração

Operação fechou festa e interditou bar em Campo Grande

Mylena Rocha Publicado em 22/04/2021, às 08h50

Fiscalização esteve em festa com 100 pessoas no bairro Santa Mônica.
Fiscalização esteve em festa com 100 pessoas no bairro Santa Mônica. - Divulgação/GCM

A movimentação foi intensa nas ruas na noite desta quarta-feira (21), feriado de Tiradentes, em Campo Grande. A fiscalização dispersou mais de 700 pessoas que estavam nas ruas e em aglomerações após o toque de recolher. As equipes fecharam um bar com mais de 200 pessoas na avenida Guaicurus e uma festa no bairro Santa Mônica. 

Na noite de quarta (21), as equipes da fiscalização foram recebidas com pedradas em um bar com aglomeração na avenida Guaicurus. O bar contava com um evento de pagode ao vivo, os músicos e os proprietários do estabelecimento acabaram na delegacia. O local não tinha alvará de funcionamento. 

Além disso, as equipes também estiveram em uma festa no bairro Santa Mônica. A festa acontecia em uma casa e havia mais de 100 pessoas no local. O dono da casa disse que alugou o local para um homem, os dois foram para a delegacia. Um jovem de 21 anos também foi conduzido após desacatar a equipe e obstruir o serviço da polícia. 

A GCM (Guarda Civil Metropolitana) realizou ações de fiscalização nas sete regiões da Capital: Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo. Além da fiscalização, a Guarda ainda participou de operação conjunta com Vigilância Sanitária, Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) e Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito).

Ao todo, foram 158 estabelecimentos fiscalizados, sendo que um deles foi interditado. Durante o toque de recolher, 712 pessoas foram dispersas de aglomerações após abordagens.  Conforme dados da GCM, o número 153 recebeu 221 ligações somente na quarta (21), sendo que 94 eram sobre descumprimento das medidas de controle ou restrição.

Também foi realizada uma operação para reduzir acidentes no trânsito, parceria da GCM com o Detran-MS (Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul) e Agetran. Ao todo, foram feitas 37 abordagens, sendo 35 carros e duas motos. Conforme dados, 37 condutores passaram pelo teste do bafômetro, mas dois recusaram. Segundo balanço, um dos motoristas foi flagrado dirigindo alcoolizado.

Jornal Midiamax