Cotidiano

Em Corumbá, 37 guardas municipais recebem documento para o porte de arma de fogo

Mais cinco agentes de segurança estão com os documentos em fase de análise

Ranziel Oliveira Publicado em 08/10/2021, às 15h32

Cerimônia de entrega
Cerimônia de entrega - (Foto: Renê Marcio Carneiro / Prefeitura de Corumbá)

Ao todo, 37 agentes da GCM (Guarda Civil Municipal) de Corumbá receberam o novo DIF (Documento de Identidade Funcional) com direito ao porte de arma de fogo, na manhã desta sexta-feira (08).

O novo DIF segue diretrizes do Acordo de Cooperação Técnica firmado com a Superintendência da Polícia Federal de Mato Grossos do Sul. Os 37 agentes da GCM estão habilitados a portar arma de fogo – de propriedade da Guarda Civil Municipal de Corumbá ou de sua propriedade particular – devidamente acompanhados do respectivo certificado de registro nos limites do Estado de Mato Grosso do Sul, mesmo fora de serviço.

Estão em análise documental mais cinco guardas civis municipais que, ainda este ano, podem receber habilitação para o porte de arma de fogo conforme Acordo de Cooperação Técnica e demais normas regulares. Com isso, a primeira turma de formação e habilitação ao porte de arma de fogo da Guarda Civil Municipal Corumbá poderá chegar a 42 agentes, ou seja, 21% do efetivo total, que atualmente está em 200 integrantes.

Representando os guardas civis que receberam o novo Documento de Identidade Funcional (DIF) com direito ao porte de arma de fogo, Roberta Gonçalves Escobar, destacou a importância do momento para os agentes da Guarda. “É um marco para a Guarda Civil de Corumbá. Agradeço ao prefeito Marcelo Iunes por acreditar na nossa corporação e a todos que acreditaram no nosso trabalho. Agradeço também ao empenho de todos para chegarmos a esse momento. O porte de armas vai nos trazer mais segurança e levar mais segurança para a nossa sociedade”, disse.

Novos investimentos

O chefe do Executivo Municipal, Marcelo Iunes, enfatizou que o porte de armas pela Guarda Municipal faz parte de um amplo projeto de segurança pública para todo o município.

“Acredito que o armamento da Guarda Municipal é uma segurança para os guardas municipais e para nossa população. Vamos continuar investindo. Já fizemos o Estatuto da Guarda, criamos o Plano de Cargos e Carreiras e, no ano que vem, vamos criar o cargo de Agente Patrimonial que vai trabalhar tomando conta das escolas, das creches, dos postos de saúde, dos CRAS, enfim, do patrimônio do Município. Dando, assim, oportunidade para que nossa Guarda Municipal faça um serviço mais ostensivo nas portas das escolas, nas praças da cidade, para o ROMU (Ronda Ostensiva Municipal) dar melhor suporte para Polícia Militar. Queremos criar a Guarda Municipal Ambiental, ter a Guarda também para tomar conta da Orla Portuária. Dando estrutura e, hoje armada, eu tenho certeza que vai dar mais segurança a nossa população”, ressaltou o prefeito de Corumbá.

Marcelo Iunes antecipou que a Prefeitura trabalha na ampliação do serviço de vídeo monitoramento da cidade. “Estive esta manhã em uma reunião com o Exército sobre investimentos na região do Pantanal e Prefeitura vai poder fazer convênios na questão da Segurança. Vamos fazer esse convênio para dar suporte maior à Guarda Municipal com um melhor sistema de monitoramento. Com certeza, isso vai nos ajudar bastante a dar maior segurança para a nossa população”, completou o prefeito.

Jornal Midiamax