Cotidiano

Em 2020, exportações na zona portuária de Porto Murtinho cresceram 57,83%

Entre janeiro e dezembro de 2020, as exportações sul-mato-grossenses pela zona portuária de Porto Murtinho cresceram 57,83% a mais do que no mesmo período de 2019. O aumento ocorreu  após o início das atividades do terminal FV Cereais e do incremento nas estruturas da APPM (Agência Portuária de Porto Murtinho). Pelos portos do município, foram […]

Ranziel Oliveira Publicado em 12/01/2021, às 16h26 - Atualizado às 16h31

(Foto: Divulgação / Governo de Mato Grosso do Sul)
(Foto: Divulgação / Governo de Mato Grosso do Sul) - (Foto: Divulgação / Governo de Mato Grosso do Sul)

Entre janeiro e dezembro de 2020, as exportações sul-mato-grossenses pela zona portuária de Porto Murtinho cresceram 57,83% a mais do que no mesmo período de 2019. O aumento ocorreu  após o início das atividades do terminal FV Cereais e do incremento nas estruturas da APPM (Agência Portuária de Porto Murtinho).

Pelos portos do município, foram escoadas 384 mil toneladas ao longo de 2020, basicamente da safra de grãos do Estado. Em 2019, foram 233 mil toneladas. A participação dos terminais portuários da cidade no escoamento das exportações de Mato Grosso do Sul passou de 1,49% no ano passado para 2,12% em 2020. A movimentação total de exportações na zona portuária também aumentou: de 268 mil toneladas em 2019 para 396 mil toneladas em 2020.

Além dos embarques de soja, também foram escoados pelos terminais portuários de Porto Murtinho produtos como sementes e frutos oleaginosos; grãos, sementes e frutos diversos; plantas industriais ou medicinais; palhas e forragens; ferro fundido, ferro e aço; sal; enxofre; terras e pedras; gesso, cal e cimento.

O destino principal dessas mercadorias foi a Argentina, em seguida a Bolívia e, por fim, o Paraguai. Além de produtos sul-mato-grossenses, também foram escoadas mercadorias de Minas Gerais, Distrito Federal e São Paulo.

Jornal Midiamax