Cotidiano

Égua cai em fossa, bombeiros tentam resgate e animal morre por stress em Campo Grande

Dono havia comprado a égua no dia anterior

Thatiana Melo e Gabriel Neves Publicado em 22/10/2021, às 07h57

None
(Marcos Ermínio, Midiamax)

Equipes do Corpo de Bombeiros tentaram o resgate de uma égua de 2 anos, na manhã desta sexta-feira (22), no bairro Nova Campo Grande, na Capital, após o animal cair em uma fossa seca. Mas, a égua acabou morrendo.

O dono da égua, Luciano da Silva, de 39 anos, contou ao Jornal Midiamaxque havia comprado o animal na tarde de quinta-feira (21), e por volta das 20 horas buscou a égua a deixando amarrada no quintal do vizinho. Ele trocou o animal em uma motocicleta Biz, no valor de R$ 2 mil.

Por volta das 5 horas desta sexta (22), o vizinho ouviu um barulho e, quando saiu para ver, a égua tinha caído dentro da fossa que estava aberta e seca. O animal conseguiu se soltar da corda e, ao andar pela área, aconteceu o acidente.

Antes da chegada do Corpo de Bombeiros, o dono e o vizinho tentaram tirar o animal do buraco com uma corda, mas sem sucesso. Quando os bombeiros chegaram, um guincho teve que ser chamado, já que os militares não estavam conseguindo fazer o resgate do animal, que acabou morrendo por stress.

“A gente fica triste pelo animal, nem é pelo dinheiro”, disse Luciano, que afirmou que comprou a égua não para usá-la em trabalhos, mas para ter como de estimação. 

Jornal Midiamax