Cotidiano

De novo: Youtuber divulga vídeo fazendo racha em rodovia de MS

Famoso por realizar rachas, multas de trânsito e, inclusive, apreensões por adulteração em veículos, o youtuber Eduardo Razuk, do canal Backstage, divulgou, nesta segunda-feira (25), um novo vídeo no Youtube realizando ultrapassagens e dirigindo em alta velocidade, em rodovia de Mato Grosso do Sul. Nas imagens é possível notar que o youtuber percebe que o […]

Karina Campos Publicado em 28/01/2021, às 16h04 - Atualizado em 29/01/2021, às 08h21

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução) - (Foto: Reprodução)

Famoso por realizar rachas, multas de trânsito e, inclusive, apreensões por adulteração em veículos, o youtuber Eduardo Razuk, do canal Backstage, divulgou, nesta segunda-feira (25), um novo vídeo no Youtube realizando ultrapassagens e dirigindo em alta velocidade, em rodovia de Mato Grosso do Sul.

Nas imagens é possível notar que o youtuber percebe que o motorista de um HB20 quer fazer racha, enquanto ele seguia de Campo Grande para Cassilândia, como ele menciona no vídeo. Por várias vezes, ambos começam as ultrapassagens perigosas.

Em um trecho, outro condutor, em uma caminhonete, ultrapassa um caminhão em local proibido, para não bater de frente, Razuk desvia o carro para o acostamento. Noutra situação, ele ultrapassa uma fila de caminhão pelo acostamento, já que outro faz a ultrapassagem, a 140 km/h.

O racha ressalta a imprudência dos motoristas, o condutor do HB20 por várias vezes quase bate com veículos no sentido contrário. Porém, o youtuber justifica: “Não vou fazer loucura, quase ele bateu de frente com uma Strada, mas entendo porque passou um pouco de raiva ‘tomando calor’ de 1.0”.

Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal), a prática de competição ou exibição de perícia em via pública é crime previsto no CTB (Código de Trânsito Brasileiro). Qualquer condutor que seja flagrado nessa situação, está passível de prisão por crime de trânsito previsto no artigo 173 do CTB, bem como desdobramentos na apreensão do veículo utilizado, suspensão de CNH e multa com fator multiplicador de 10 vezes.

“Nos casos em que não há flagrante, cabe à PRF informar às autoridades judiciárias para apreciação do material registrado em vídeo para análise do cabimento de persecução criminal”, informou, em nota.

Investigações

Além disso, em outubro de 2020, veículos apreendidos com o youtuberestavam irregulares e não poderiam circular. Laudo da perícia técnica veicular realizado pelo Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) comprovou modificações em uma caminhonete Amarok Extreme, BMW 118i e um Mini John Cooper Works.

Razuk é investigado por por adulterações em automóveis e a prática de desmanche. Em agosto do ano passado, Polícia Civil por meio da 3ª Delegacia e da 1ª Delegacia em Campo Grande, cumpriu os mandados em duas residências, uma na região central da cidade e outra no Carandá.

Eduardo já tinha sido notícia em março, quando filmou para o canal um vídeo em que descumpre o toque de recolher. Além disso, dirige em alta velocidade pela Avenida Afonso Pena e chega a debochar, dizendo “Se por um acaso a polícia seguir nós, temos 400 cavalos de roda para poder fugir”.

Na época foi aberta investigação e Razuk chegou a ser preso com um Corolla que comprou irregularmente no Paraguai. Com isso, foi identificado que ele comprou o veículo mediante fraude na documentação, para legalizar a entrada do carro no país.

Jornal Midiamax