Cotidiano

De multa a suspensão do CPF: Quais as consequências para quem perdeu o prazo de envio do IR 2021

Se você não enviou a documentação, fique atento

Gabriel Maymone Publicado em 15/06/2021, às 12h20

Contribuinte deve entregar declaração, mesmo após o prazo
Contribuinte deve entregar declaração, mesmo após o prazo - Divulgação

Apesar do prazo estendido este ano para a entrega da declaração do imposto de renda 2021, muitos contribuintes não enviaram a documentação até o dia 31 de maio à Receita Federal e podem sofrer consequências que vão de multa até suspensão do CPF.

Se é o seu caso, é necessário enviar a declaração o quanto antes. É válido ressaltar, no entanto, que o atraso renderá uma multa de até 20% sobre o imposto devido, cujo valor mínimo é de R$165,74. Caso sejam encontrados indícios de fraude ou tentativa de ocultação de bens, essa multa pode chegar até 150% sobre o valor do imposto devido.

E a segunda é que pode acarretar na suspensão do CPF do contribuinte, o que pode vir a gerar vários problemas futuros, enquanto esta situação não for regularizada.

Para enviar a declaração fora do prazo basta fazer o procedimento normal, baixando o Programa Gerador da Declaração no site da Receita Federal ou caso haja preferência pelo uso de um Tablet ou Smartphone, do aplicativo Meu Imposto de Renda, disponível para Android e iOS.

A partir daí, tenha em mãos os documentos necessários e preencha todos os campos devidos com as informações solicitadas.

Jornal Midiamax