Cotidiano

Coxim registra mais de 80mm de chuvas em 48 horas e nível do Rio Taquari começa a subir

Chuvas causam preocupação no município; apesar da alta do rio, Defesa Civil afirma que ainda não há riscos à população

Humberto Marques Publicado em 23/05/2021, às 12h24

Rio Taquari chegou a 4,45 metros neste domingo; prefeitura percorre regiões de Coxim para mapear danos com as chuvas
Rio Taquari chegou a 4,45 metros neste domingo; prefeitura percorre regiões de Coxim para mapear danos com as chuvas - PMC/Divulgação

Ao longo das últimas 48 horas, a região de Coxim –a 260 km de Campo Grande– registrou 82,8 milímetros de chuvas, o suficiente para colocar a zona urbana em atenção e fazer o nível do Rio Taquari subir. Na manhã deste domingo (23), a régua de medição próxima à cidade apontava 4,45 metros.

Apesar do grande acúmulo de chuvas, que se estende da cabeceira do rio, em São Gabriel do Oeste, até a região de Alcinópolis, o Taquari ainda não representa riscos à população. Gilberto Portela, coordenador da Defesa Civil de Coxim, explica que o grande volume de precipitação e o carreamento das águas para o Rio podem fazê-lo demorar a baixar –e, se não houver mudança no cenário climático e as chuvas continuarem, deve continuar a subir.

Desde sábado (22), o prefeito Edilson Magro (DEM), integrantes de sua gestão e vereadores percorrem a cidade, a fim de vistorias os bairros e localidades mais afetados pela chuva.

Segundo ele, todos os bairros da cidade são monitorados e já teve início a busca de recursos para atendimentos. Caso haja demanda, a Secretaria de Obras está a postos para atender demandas urgentes.

Jornal Midiamax