Corumbá afirma que já vacinou 100% de moradores diagnosticados lúpus e câncer

A prefeitura de Corumbá, a 417 quilômetros de Campo Grande, informou, nesta segunda-feira (29), que já imunizou contra a Covid-19 todos os moradores, cadastrados na rede de saúde, que possuem doenças autoimunes e crônicas como que fazem tratamentos oncológico, hemodiálise e lúpus. Os pacientes receberem a dose no respectivo local de tratamento, equipes do núcleo […]
| 29/03/2021
- 14:54
Corumbá afirma que já vacinou 100% de moradores diagnosticados lúpus e câncer
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Corumbá) - (Foto: Divulgação/Prefeitura de Corumbá)

A prefeitura de , a 417 quilômetros de Campo Grande, informou, nesta segunda-feira (29), que já imunizou contra a Covid-19 todos os moradores, cadastrados na rede de saúde, que possuem doenças autoimunes e crônicas como que fazem tratamentos oncológico, hemodiálise e lúpus.

Os pacientes receberem a dose no respectivo local de tratamento, equipes do núcleo de imunização vacinaram 140 renais crônicos e os 153 pacientes que estão em tratamento oncológico, na Unacon da cidade.

A ampliação na imunização foi ampliada pelo Plano Nacional de Vacinação, do . “Estas pessoas possuem maior risco de ter seu quadro de saúde agravado em decorrência da Covid, conforme o recebimento vamos ampliar os públicos”, disse o secretário Municipal de Saúde, Rogério Leite.

O município recebeu 14.542 doses, e aplicou 14mil, sendo que 3.679 pessoas já receberam as duas doses necessárias, de acordo com o vacinômetro. Todos os moradores do novo público-alvo devem fazer um cadastro prévio para receber a vacina, pelo vacina.corumba.ms.gov.br/coronavirus

A segunda dose da Coronavac deve ser no intervalo de 2 a 4 semanas; já a Covishild de 8 a 12 semanas. Quem estiver no período de tomar a D2 (segunda dose) poderá ir ao Drive no final de semana ou no Centro de Saúde da Ladeira de segunda à sexta.

Veja também

Últimas notícias