Cotidiano

Comunidade do Jardim Noroeste e região recebem 'Direitos Humanos em Ação'

Até profissional de podologia realizou atendimento para moradores dos bairros

João Ramos Publicado em 21/11/2021, às 18h28

Moradores foram beneficiados com atendimentos de saúde em geral
Moradores foram beneficiados com atendimentos de saúde em geral - (Foto: Divulgação)

A Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos de Campo Grande (SDHU) realizou na manhã desse sábado (20) a primeira edição do Direitos Humanos em Ação, uma parceria com mais 30 instituições públicas e privadas da Capital.

A comunidade do bairro Jardim Noroeste e região (Bandeira) recebeu dezenas de serviços gratuitos, uma ação que integra o Projeto Reviva Mais Campo Grande.

"Nosso primeiro objetivo é de aproximar esses serviços dessa comunidade que mora distante do centro, ou até mesmo que não tenha condições de pagarem por alguns atendimentos de saúde, como de podologia, por exemplo. O cidadão aqui hoje presente, ainda teve oportunidades de ter um atendimento jurídico, renegociar dívidas básicas. Ações como essa são importantes para dar a essas pessoas, oportunidades básicas de acessos a apoios que muitas vezes é complicado de buscar até mesmo pela internet", aponta Amadeu Borges, subsecretário da SDHU.

Foram atendimentos de saúde com exames preventivos de câncer de mama e colo de útero, testes rápidos de ISTs (infecções sexualmente transmissíveis), diabetes e hipertensão, além de cuidados com os pés por meio da podologia.

A comunidade pode renegociar dívidas com contas de água e luz, fazer inscrição na tarifa social, pedir apoio com vaga social para dependentes químicos, ter informações jurídicas sobre casos particulares, além de apoio de todas as sete Coordenadorias de Defesas de Direitos da SDHU.

A criançada pode se divertir com muita brincadeira e ainda dar uma renovada no visual com corte de cabelo gratuito, além de sorteio de vários prêmios. Também teve atendimentos para os melhores amigos do homem com vermifugação e orientações veterinárias. Quem gosta de cultivar, teve também disposições de manejo com hortas educativas.

Jornal Midiamax