Cotidiano

Jamil Name será velado e sepultado na quarta, às 14h, no Cemitério Santo Antônio

Impasse no translado do corpo até Mato Grosso do Sul adiou cerimônia

Jones Mário Publicado em 28/06/2021, às 17h01 - Atualizado às 17h21

Cemitério Santo Antônio, mais antigo de Campo Grande
Cemitério Santo Antônio, mais antigo de Campo Grande - Arquivo/Midiamax

Jamil Name será velado e sepultado na quarta-feira (30), com cerimônia a partir das 14h, no Cemitério Santo Antônio, o mais antigo de Campo Grande. À princípio, havia uma indefinição de familiares sobre a possibilidade de velório, uma vez que ele morreu vítima de complicações da covid-19.

As informações são do filho de Jamil Name, o deputado estadual Jamilson Name (sem partido), e do advogado Felix Jayme Nunes da Cunha, que representa parte da família.

Jamil Name morreu no domingo (27), aos 82 anos. Ele estava hospitalizado desde o fim de maio em Mossoró (RN), onde estava preso em penitenciária federal desde setembro de 2019 junto com Jamil Name Filho - ambos investigados na Operação Omertà por supostamente chefiar uma organização criminosa envolvida em execuções.

Inicialmente, a previsão era de que velório e sepultamento fossem realizados amanhã (29). Porém, a logística para translado do corpo adiou a despedida.

Jornal Midiamax