Cotidiano

Com recorde de internados, MS tem 1,9 mil novos casos de covid e 52 mortes em 24h

Explosão de casos faz número de hospitalizados crescer e chegar ao recorde no Estado

Gabriel Maymone Publicado em 01/06/2021, às 10h49

Número de casos explode e faz internações  atingirem recorde da pandemia em MS
Número de casos explode e faz internações atingirem recorde da pandemia em MS - Leonardo de França / Midiamax

Mato Grosso do Sul iniciou o mês de junho com mais um recorde negativo da pandemia. O boletim da covid divulgado na manhã desta terça-feira (1º) mostra que são 1.331 pessoas internadas com a doença no Estado. Até então, o maior número havia sido verificado no dia 2 de abril, quando os hospitais estavam com 1.316 pessoas internadas.

Conforme os dados da SES (Secretaria Estadual de Saúde), foram 1.952 casos confirmados de covid nas últimas 24h - período em que ficaram prontos os testes e não o período em que foram contaminados. Além disso, novas 52 mortes foram registradas no período.

Dessa forma, MS soma 292.677 casos confirmados de covid até agora, com 6.867 óbitos.

O informe traz ainda que, dos 1.331 internados, 569 estão em estado grave em UTIs (Unidade de Terapia Intensiva), sendo 437 em leitos pelo SUS e 132 em hospitais privados. Já os que estão em leitos clínicos somam 762, com 571 pela rede pública e 191 por convênios ou particular.

A taxa de ocupação dos leitos UTI covid pelo SUS em MS é o pico da pandemia e chegou a 111%, conforme os dados do governo estadual.  

Durante live na segunda-feira (31), o secretário estadual de saúde, Geraldo Resende, MS é o estado do país em que a pandemia mais avança. "MS está em vermelho, é o estado que mais cresce em números da doença do Brasil. A população optou por fazer aglomerações, festas clandestinas. Parcela da população está deixando de usar máscara e de seguir regras como a higienização das mãos", alertou.

Confira abaixo mais dados da pandemia da covid em MS:

Jornal Midiamax