Cotidiano

Com Carnaval de rua cancelado, pontos turísticos de MS serão alvos de fiscalização

A prefeitura de Bonito, a 296 quilômetros de Campo Grande, realizou nesta terça-feira (9) uma reunião com representantes da Guarda Municipal e Polícia Militar para traçar estratégias de fiscalização na cidade durante o período de Carnaval. O ponto facultativo não foi suspenso na cidade, portanto, os servidos públicos estarão de recesso entre os dias 15 […]

Karina Campos Publicado em 09/02/2021, às 14h13 - Atualizado às 14h19

Aglomerações em Bonito durante feriadão. ( Foto: Reprodução | MPMS)
Aglomerações em Bonito durante feriadão. ( Foto: Reprodução | MPMS) - Aglomerações em Bonito durante feriadão. ( Foto: Reprodução | MPMS)

A prefeitura de Bonito, a 296 quilômetros de Campo Grande, realizou nesta terça-feira (9) uma reunião com representantes da Guarda Municipal e Polícia Militar para traçar estratégias de fiscalização na cidade durante o período de Carnaval.

O ponto facultativo não foi suspenso na cidade, portanto, os servidos públicos estarão de recesso entre os dias 15 a 17 de fevereiro, apenas os funcionários da Vigilância Sanitária, Fiscais de Tributo e Postura Municipal e os demais que exercem a função fiscalizatória atuarão no regime de plantão.

A prefeitura poderá decretar novas medidas de restrições e mantimento da suspensão temporária dos alvarás e funcionamento e autorizações emitidos para realização de atividades com potencial de aglomeração de pessoas para o enfrentamento da situação de emergência pública causada pelo agente coronavírus.

Pontos que costumam gerar aglomeração na cidade, como locais turísticos serão fiscalizados durante o período para evitar descumprimento de medidas.

Jornal Midiamax