Com 569 casos e 14 mortes, MS tem 358,9 mil infectados pelo coronavírus

Mesmo com queda nas internações, Estado ainda tem 16 pacientes na fila por leitos
| 06/08/2021
- 14:59
De 365.088 casos confirmados em MS
Estado tem taxa de contágio de 0,86. - Henrique Arakaki/Midiamax

Mato Grosso do Sul já soma 358.979 casos confirmados de , com 569 novos registros nesta sexta-feira (6). Foram registradas mais 14 mortes, conforme boletim epidemiológico do coronavírus, divulgados pela SES (Secretaria de Estado de Saúde). A taxa de contágio continua em 0,86.

Com os novos óbitos, o total de vítimas fatais em MS chega a 9.040 mortes desde o início da pandemia. As novas mortes foram registradas nas seguintes cidades: Campo Grande (8), Anastácio (1), Aquidauana (1), Chapadão do Sul (1), Dourados (1), Maracaju (1) e Ponta Porã (1). 

Durante a live desta sexta (6), a secretária adjunta da SES, Crhistinne Maymone, reforçou que o coronavírus continua presente no Estado e que a variante delta já pode estar em circulação. “É possível que a variante delta já esteja entre nós. Não temos dados efetivos, estamos aguardando resultados da nossa vigilância genômica”, disse.

Para evitar mudanças no cenário da pandemia em MS, a secretária pediu a colaboração da população. “Podemos nos prevenir com uso de máscara, álcool em gel e distanciamento social. Principalmente, evitar aglomerações”, ressaltou.

A SES também destacou que MS já contabiliza um total de 1.003.941 casos notificados, dos quais 637.708 foram descartados. Há 1.344 testes em análise no Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública) e 5.910 casos sem encerramento pelos municípios.

Os novos casos trazem Campo Grande à frente, com 298 novos casos, seguida por Dourados (58), Três Lagoas (31), Nova Alvorada do Sul (27), Água Clara (17), Chapadão do Sul (17), Bataguassu (12), (10), entre outros. Confira o boletim aqui. 

Ocupação de leitos em MS

De 358.979 casos confirmados em MS, 345.485 pacientes se recuperaram. Em relação às internações, MS tem 481 pacientes internados. Destes, 208 estão em leitos clínicos (145 públicos e 63 privados) e 273 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), dos quais 216 estão em leitos públicos e 57 em privados.

A taxa de ocupação de leitos de UTI públicos global nas 4 macrorregiões de MS é de: 78% em Campo Grande, 56% em Dourados, 53% em Três Lagoas e 59% em Corumbá.

Mesmo com a queda nas internações, MS ainda tem pacientes na fila por leitos. Há 13 pacientes na espera em Campo Grande, dois em Dourados e um em Paranaíba.

Veja também

Diversas outras apostas conseguiram faturar prêmios menores

Últimas notícias