Cotidiano

Com 5,3 mil casos, MS segue como 2º com maior incidência de dengue do Brasil

Estado teve 229 novos casos da doença em sete dias

Dândara Genelhú Publicado em 03/06/2021, às 17h41

None
Foto: Reprodução.

Mato Grosso do Sul segue como o segundo Estado com maior incidência de dengue do Brasil. O Estado acumula 5.321 casos da doença, espalhados por municípios de MS.

Assim, foram 229 novos casos da doença em uma semana. Os dados foram divulgados em boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde), na última quarta-feira (2).

Então, com 398,2 casos a cada 100 mil habitantes do Estado, MS é o segundo estado no ranking nacional com maior incidência de dengue. A lista é realizada pelo Ministério da Saúde.

Em todo o MS foram notificados 11.164 casos prováveis de dengue. No Estado, o município com maior incidência da doença é Figueirão. São 3,4 mil casos para cada 100 mil habitantes da cidade.

No total, são 24 cidades sul-mato-grossenses com alta incidência de dengue. Já nos casos confirmados, Três Lagoas é o município que mais acumula confirmações no Estado.

São 1.505 casos confirmados de dengue em Três Lagoas. Na Capital do Estado, Campo Grande, são 256 casos da doença.

Até 2 de junho, nove pessoas morreram por causa da doença em MS. São dois óbitos em Campo Grande e dois em Dourados, e um nas seguintes cidades: Corumbá, Caarapó, Ivinhema, Nova Alvorada do Sul e Três Lagoas.

Jornal Midiamax