Cotidiano

Câmara realizará audiência 'Panorama HIV e AIDS no município de Campo Grande'

Acontece das 9h às 11h no Plenário Oliva Enciso

Diego Alves Publicado em 30/11/2021, às 22h29

Reprodução
Reprodução

Nos bairros de Campo Grande se concentram o maior número de casos de HIV - Aids da Capital, além disso, pessoas que se autodeclaram pardas são a maior parte dos casos, representando 48,9% dos casos em 2020, de acordo com a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde).

Nesta quarta-feira (01), Dia Mundial de Combate à AIDS, será realizado Audiência Pública “Panorama HIV e AIDS no município de Campo Grande”. O evento proposto pela vereradora Camila Jara (PT), acontece das 9h às 11h no Plenário Oliva Enciso, aberto ao público e com transmissão ao vivo pelas redes oficiais da Câmara pelo Facebook e Youtube.

“Campo Grande e Mato Grosso do Sul apresentam taxas de detecção maiores que o Centro-Oeste. Então é uma realidade que a gente não pode ignorar. Além disso, observamos uma mudança no modo de transmissão, que antes ocorria principalmente por relações sexuais, e no último ano passou a ter maiores registros de transmissão vertical, que é a passagem do vírus da mãe para o bebê. Precisamos discutir esses fenômenos e pensar em soluções em conjunto com a sociedade, para salvar vidas e também combater o preconceito e a desinformação”, comentou a vereadora Camila Jara. 

A discussão reunirá especialistas e autoridades da Vigilância Epidemiológica, do CTA (Centro de Testagem e Atendimento), da Comissão Municipal Intersetorial de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis, entre outros. 

Jornal Midiamax