Cotidiano

Bonito teve o melhor agosto dos últimos cinco anos para o turismo de MS

Guias turísticos começam a receber auxílio de R$ 1 mil nesta semana

Mylena Rocha Publicado em 14/09/2021, às 10h28

Cidade ganhou novo voo direto de São Paulo.
Cidade ganhou novo voo direto de São Paulo. - Divulgação/Prefeitura de Bonito

Com a melhora nos indicativos da pandemia e a retomada no turismo, o município de Bonito fechou o mês com bons resultados em Mato Grosso do Sul. Conhecido por suas águas cristalinas e um dos principais destinos dos visitantes, Bonito teve o melhor agosto dos últimos cinco anos, segundo a Fundtur (Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul). 

O diretor-presidente da Fundação, Bruno Wendling, explica que Bonito teve altos e baixos na retomada do turismo, mas o novo voo deve estimular ainda mais o setor na cidade. O objetivo é garantir novos voos também para outras cidades turísticas do Estado, como Corumbá.

O ministro do Turismo, Gilson Machado, deve desembarcar na próxima sexta-feira (17) no município. Ele participa do Prêmio Piraputanga e se reúne com lideranças de Bonito que devem fazer cobranças por melhorias na região. “Vamos pedir um asfalto até a Gruta do Lago Azul, melhorias no monumento da Gruta”, informou o prefeito do município, Josmail Rodrigues (PSB). 

Auxílio para guias turísticos

Outra iniciativa para apoiar os trabalhadores do turismo é o ‘Programa Incentiva+MS Turismo’. O programa dá o auxílio de R$ 1 mil por seis meses para trabalhadores que atuam nos setores mais prejudicados durante a pandemia, incluindo o turismo. Segundo a Fundtur, serão 609 beneficiados que começam a receber nesta semana. No dia 21 de setembro, a Fundação reabre as inscrições para uma nova rodada de benefícios. 

O guia de turismo Carlos Aracy explica que o benefício é muito importante para trabalhadores do setor. “Foi só em junho que começamos a retomar as atividades, depois de tomar as duas doses. Muitos guias tiveram período muito complicado, teve lockdown em Bonito, depois limite de capacidade nos passeios”, explica. 

Jornal Midiamax