Cotidiano

Até novembro toda a população de Campo Grande estará vacinada, diz Marquinhos

Nesta segunda-feira (18), começa a vacinação contra o coronavírus em Mato Grosso do Sul. As primeiras doses serão ofertadas em Campo Grande.

Dândara Genelhú Publicado em 18/01/2021, às 15h09

(Foto: Ilustrativa/Reuters)
(Foto: Ilustrativa/Reuters) - (Foto: Ilustrativa/Reuters)

Nesta segunda-feira (18), começa a vacinação contra o coronavírus em Mato Grosso do Sul. As primeiras doses serão ofertadas em Campo Grande. Assim, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) afirmou que a expectativa do município é vacinar toda a população até novembro.

Nas redes sociais, o prefeito lembrou que haverá um ato de vacinação simbólica às 17h, no HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul). No ato, serão vacinadas três pessoas pertencentes ao grupo prioritário, sendo: um idoso do Asilo São João Bosco, indígena e um funcionário do hospital.

Então, com a realidade da imunização, Marquinhos informou que todos da Capital devem receber a vacina até novembro. “Eu acredito que até outubro ou novembro todos os campo-grandenses, de fora do grupo de prioridade ou não, vai estar vacinado”, afirmou. Além disto, disse que “Campo Grande está preparada, tem local de armazenamento, está todo o programa idealizado”.

De acordo com o prefeito, a vacinação acontecerá nos asilos da Capital, seguido por Hospitais e então, UBS (Unidades Básicas de Saúde). Por fim, destacou os primeiros que devem receber a vacina em Campo Grande: trabalhadores de Saúde e idosos com mais de 75 anos.

Prefeitura de Campo Grande lançou um portal para agilizar o processo de identificação das pessoas que fazem parte do grupo prioritário para a primeira campanha de vacinação de imunização contra a Covid-19. Então, idosos acima de 75 anos e profissionais da saúde devem realizar o cadastro online.

Jornal Midiamax