Cotidiano

Após um ano, plataforma digital da Defensoria Pública já realizou até divórcio internacional

Nesse periodo foram registrados 162 mil atendimentos online em Mato Grosso do Sul

Gabriel Neves Publicado em 05/05/2021, às 08h26

Prédio da Defensoria Pública em Campo Grande.
Prédio da Defensoria Pública em Campo Grande. - (Foto: Divulgação)

Após um ano de seu lançamento, criada por conta da pandemia, a plataforma digital da Defensoria Pública de MS já realizou mais de 160 mil atendimentos a distância e até divórcio ‘internacional’ já rolou.

De acordo com a Defensoria, o divórcio ocorreu entre um casal onde um deles estava em Miranda e a outra parte na Bolívia, além do divórcio, também foi resolvido a guarda dos filhos, a pensão e divisão de bens.

Outro caso ‘internacional’, foi um processo de guarda, onde uma das partes estava em Campo Grande e a outra residindo em Portugal. No caso, foi possível realizar uma modificação de guarda entre pais e avó paterna.

Também, já foi realizado outro divórcio virtual com um assistido cumprindo medida de reclusão no Estabelecimento Penal de Campo Grande e a assistida no município de Bodoquena, após pedido ser registrado na plataforma digital.

A plataforma foi criada em 2020, com o objetivo de para que a população em situação de vulnerabilidade pudesse ter acesso aos serviços da instituição. No período de um ano foram registrados 162 mil atendimentos online em Mato Grosso do Sul.

A área da família é a que concentra maior demanda, com 88.859 atendimentos, seguida da área da saúde, que apresenta 17.450 atendimentos. As cidades que mais fazem acessam a Defensoria Pública via plataforma digital são Campo Grande (70.846), Dourados (13.837) e Três Lagoas (8.948).

Jornal Midiamax