Cotidiano

Após sensação térmica de quase 50ºC, MS pode ter novo recorde de calor nesta semana

Estado passou pelo dia mais quente dos últimos 21 anos, segundo a meteorologia

Gabriel Maymone Publicado em 21/09/2021, às 08h20

MS vive forte onda de calor no fim do inverno
MS vive forte onda de calor no fim do inverno - Divulgação

Mato Grosso do Sul está sob efeito de uma onda de calor que deixa as temperaturas até 5ºC acima da média para o período. Com isso, Corumbá, no Pantanal, bateu o recorde de calor dos últimos 21 anos com sensação térmica de 49ºC e termômetros em 43,9ºC na segunda-feira (20). Entretanto, a previsão indica que as temperaturas continuam subindo e podem bater novo recorde no Estado.

Conforme o meteorologista Natálio Abraao, da Anhanguera-Uniderp, outros 36 municípios de MS marcaram temperaturas acima de 40ºC e outros  39 tiveram termômetros superando os 37ºC. "[As temperaturas] podem ficar mais elevadas", comentou sobre a previsão para essa semana.

Já a sensação térmica, que é a temperatura percebida — e está condicionada aos ventos e à umidade relativa do ar — ultrapassou os 45ºC em 3 cidades além de Corumbá: Água Clara (48ºC), Três Lagoas (48ºC) e Coxim (46ºC).

Mais calor...

A previsão não é muito animadora. De acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), a onda de calor que estava prevista para acabar na noite de segunda-feira (20) foi estendida por mais 24 horas — e pode permanecer por mais tempo ainda.

Dessa forma, Corumbá pode registrar a mesma média de 43ºC/44ºC nesta terça-feira, sendo que a sensação térmica pode alcançar os 50ºC.

Coxim, que havia marcado 42ºC na segunda, pode bater os 43ºC nesta terça. Água Clara marcou 43,2ºC na segunda, mas a máxima pode chegar a 44ºC hoje. Três Lagoas mantém a máxima de 43ºC.

Já, para Campo Grande, que teve termômetros na casa dos 39,3ºC com sensação térmica de 43,2ºC, a previsão indica  que a máxima pode chegar novamente aos 39ºC nesta terça-feira.

Primavera chegando...

A primavera começa, oficialmente, às 15h21 do dia 22 de setembro em Mato Grosso do Sul. O resumo dessa primavera será: calor acima do normal e chuvas abaixo da média.

No quesito calor, o mês de outubro continuará intenso, com máximas podendo alcançar os 42ºC na região pantaneira e no Bolsão — Três Lagoas, Paranaíba. O norte do Estado também pode marcar temperaturas acima dos 40ºC, como em Coxim e Sonora. A região central — Campo Grande — pode ter termômetros alcançando os 37ºC. O sudoeste — Ponta Porã e Amambai — deve ser menos quente, com calor de até 33ºC.

É esperado que o volume de chuvas fique próximo à média histórica para cada região, podendo ficar um pouco abaixo. O meteorologista é categórico em afirmar que os níveis dos rios não devem voltar à normalidade este ano.

Jornal Midiamax