Cotidiano

Após novo temporal com mais estragos em Dourados, prefeitura retoma força-tarefa

As equipes da Defesa Civil deram início à retirada das árvores já neste domingo

Marcos Morandi Publicado em 25/10/2021, às 06h31

Muro de uma residência foi atingido pela queda de uma árvore no último sábado
Muro de uma residência foi atingido pela queda de uma árvore no último sábado - Defesa Civil

Com novos estragos causados pelo temporal do último sábado (23), a Prefeitura de Dourados retomou os trabalhos da força-tarefa e deu início à retirada de 15 árvores que caíram na região central e também em alguns bairros da cidade. A ação é coordenada pela Defesa Civil e tem o envolvimento de outros órgãos da administração municipal.

Na manhã deste domingo (24), o prefeito Alan Guedes (PP) foi até a ponte na Rua Josué Garcia Pires (antiga W 11), próximo à estação de tratamento de água, para verificar um buraco que está se formando ao lado da ponte. O local está sinalizado.

“Nós temos acompanhado de perto todos os estragos que a chuva tem ocasionado no nosso município e nossas equipes prontamente se mobilizaram para atender as ocorrências”, pontuou.  

Além da Defesa Civil, as equipes da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Semsur (Secretaria Municipal de Serviços Urbanos), Guarda Municipal e o Exército Brasileiro auxiliaram na retirada das árvores.

“Nós mobilizamos esforços para realizar o corte das árvores o mais rápido possível para evitar maiores transtornos para a população”, destacou o coordenador da Defesa Civil, Jamil da Costa Matos. 

Entre os pontos afetados está uma árvore na avenida Marcelino Pires, duas na avenida Hayel Bon Faker, próximo ao Samu, na rua Cuiabá, na avenida Coronel José Marcondes, em frente ao Ceim, e Rua Belo Horizonte que chegou a derrubar o muro de uma residência.

Serviço

Para mais informações entre em contato com a Defesa Civil, através do telefone 199, e o Corpo de Bombeiros, 193. No caso de queda de energia, é preciso entrar em contato com a Energisa, através do telefone 0800 722 72 72.

Jornal Midiamax