Cotidiano

Com lockdown, mortes caem pela metade e 88% dos adolescentes já estão vacinados em cidade de MS

Há um mês, cidade adotou restrições severas e queria até fechar os supermercados

Mylena Rocha Publicado em 23/08/2021, às 15h00

Cidade registrou seis mortes por coronavírus no último mês.
Cidade registrou seis mortes por coronavírus no último mês. - Ilustrativa/Divulgação/Detran-MS

Há exato um mês, começava o lockdown na cidade de Chapadão do Sul, que sofria com o aumento expressivo de casos de coronavírus. Localizada a 330 quilômetros da Capital, a cidade chegou a decretar o fechamento até dos supermercados, que são considerados serviço essencial — medida que depois foi derrubada pela Justiça. O fato é que um mês após o lockdown, as mortes por covid caíram pela metade. Além disso, a imunização está muito avançada e quase todos os adolescentes já receberam a primeira dose da vacina.

No dia 23 de julho, começava o lockdown na cidade do interior de MS. Enquanto outros municípios iniciavam flexibilizações, Chapadão foi na contramão e determinou o ‘fecha tudo’ por quatro dias, depois de registrar nove mortes em apenas uma semana — incluindo um bebê de apenas três meses sem comorbidades. 

Em apenas um mês, a cidade havia registrado 733 casos novos de coronavírus e 13 mortes. Chapadão do Sul ocupava e ainda ocupa o segundo lugar no ranking de incidência de coronavírus no Estado. A taxa de incidência é a relação entre os casos confirmados de coronavírus e a população de um município. 

Apesar de ainda estar entre os municípios de maior incidência, muita coisa mudou desde o lockdown. As mortes, por exemplo, caíram pela metade. No mês seguinte à medida restritiva, Chapadão registrou 539 casos e seis mortes. Ou seja, houve uma queda de 53% no registro de óbitos por covid em apenas um mês. 

Vacinação avança no município

A campanha de vacinação no município também está avançada com a primeira dose em comparação com outras cidades. Na época em que o lockdown foi decretado, o município até recebeu doses extras para imunizar a população. 

Dados do Vacinômetro mostram que Chapadão tem 89,85% da população geral vacinada com ao menos uma dose e 38,05% completamente imunizados. Referente aos adultos, 112,66% estão vacinados com ao menos uma dose e 52,32% imunizados. 

Já com relação aos adolescentes, o município está bastante à frente. Já há 88,43% dos adolescentes vacinados com ao menos uma dose. O número é significativo, já que o percentual de adolescentes vacinados no Estado é de 34%. 

Jornal Midiamax