Cotidiano

Aos 84 anos, Delinha é imunizada contra Covid-19 e incentiva: ‘tem que vacinar’

Aos 84 anos, a cantora Delinha, é mais uma das campo-grandenses imunizadas contra a Covid-19. Ícone da música sul-mato-grossense, a cantora foi vacinada na tarde desta quarta-feira (10) no drive-thru do Parque Ayrton Senna. Para Delinha, sua vacinação servirá como exemplo a outros idosos e incentivou: “tem que vacinar”. Conforme a cantora, o isolamento social […]

Mariane Chianezi Publicado em 10/02/2021, às 15h07 - Atualizado em 11/02/2021, às 08h06

Delinha se vacinou contra a Covid-19 na semana passada | Foto: Leonardo de França, Midiamax
Delinha se vacinou contra a Covid-19 na semana passada | Foto: Leonardo de França, Midiamax - Delinha se vacinou contra a Covid-19 na semana passada | Foto: Leonardo de França, Midiamax

Aos 84 anos, a cantora Delinha, é mais uma das campo-grandenses imunizadas contra a Covid-19. Ícone da música sul-mato-grossense, a cantora foi vacinada na tarde desta quarta-feira (10) no drive-thru do Parque Ayrton Senna. Para Delinha, sua vacinação servirá como exemplo a outros idosos e incentivou: “tem que vacinar”.

Conforme a cantora, o isolamento social tem sido seguido a risca durante a pandemia em Campo Grande e disse que, com a primeira dose, ela seguirá aguardando o dia a segunda aplicação resguardada em casa.

“Estou muito feliz, porque pelo menos a primeira dose eu já vou tomar e poder descansar. Mas também já estou me cuidando, eu nem saio de casa quase”, disse ela, afirmando que o filho sempre a mantém segura em casa.

Delinha comentou que tem colegas que, mesmo idosos, não querem tomar a vacina, mas ela insiste e aposta na ciência. “Tem gente, velha igual eu, que diz que não vai se vacinar. Mas eu falo: ‘tem que vacinar sim’, porque senão, quem vacinou pega doença do outro, que não vacinou e pegou”, pontuou.

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, acompanhou a vacinação no drive-thru nesta quarta-feira e comentou que a atitude de Delinha em confiar na ciência ajuda a incentivar a vacinação em MS. “Vi que ela respondeu tudo com muita ciência do assunto. Já é quase uma colaboradora da saúde conosco”, disse o titular da SES (Secretaria Estadual de Saúde).

Jornal Midiamax