Cotidiano

Professores aprovados em concurso cobram convocações em Dourados

Um grupo de professores do ensino fundamental, aprovados em concurso da Reme (Rede Municipal de Ensino) está cobrando a convocação para as vagas abertas em concursos realizado em 2016. Na sexta-feira (18) os professores fizeram manifestação em frente a sede do CAM (Centro Administrativo Municipal) e cobraram uma resposta da prefeita Délia Razuk (sem partido). […]

Marcos Morandi Publicado em 19/09/2020, às 08h09

Manifestantes foram recebidos pelo secretário de Educação. (Foto: Divulgação)
Manifestantes foram recebidos pelo secretário de Educação. (Foto: Divulgação) - Manifestantes foram recebidos pelo secretário de Educação. (Foto: Divulgação)

Um grupo de professores do ensino fundamental, aprovados em concurso da Reme (Rede Municipal de Ensino) está cobrando a convocação para as vagas abertas em concursos realizado em 2016.

Na sexta-feira (18) os professores fizeram manifestação em frente a sede do CAM (Centro Administrativo Municipal) e cobraram uma resposta da prefeita Délia Razuk (sem partido). Segundo um representante do grupo, a prefeita contratou convocados e deixou os concursados de lado.

Com faixas escritas “Sem desculpas, sem demora! Vagas existem! Nomeação Já!”, os profissionais foram recebidos pelo secretário municipal de Educação, Upiran Gonçalves, que confirmou a existência das vagas”.

“Olhei no sistema e há mais de 100 vagas para os professores, minha meta até o fim do ano, fim do mandato, é convocar todos, é preencher essas vagas que estão disponíveis”, finalizou o titular da pasta”.

Ele afirmou, entretanto, que a Lei Federal da pandemia da Covid-19 que veta novas nomeações e contratações enquanto durar a doença no país.

O secretário também confirmou a existência das vagas Olhei no sistema e há mais de 100 vagas para os professores, minha meta até o fim do ano, fim do mandato, é convocar todos, é preencher essas vagas que estão disponíveis”, concluiu Upiran.

Jornal Midiamax