Cotidiano

PMA autua gerente de fazenda por exploração ilegal de madeira

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Miranda, autuou um homem de 47 anos, por exploração ilegal de madeira, na última quinta-feira (16). No local, foi constatado a derrubada de uma árvore da espécie Canafístula, sem autorização ambiental. A infração aconteceu em uma fazenda, localizada na rodovia MS 243, próximo do km 30. Os Policiais perceberam […]

Ranziel Oliveira Publicado em 18/09/2020, às 15h27

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação) - (Foto: Divulgação)

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Miranda, autuou um homem de 47 anos, por exploração ilegal de madeira, na última quinta-feira (16). No local, foi constatado a derrubada de uma árvore da espécie Canafístula, sem autorização ambiental.

A infração aconteceu em uma fazenda, localizada na rodovia MS 243, próximo do km 30. Os Policiais perceberam que seriam derrubadas mais árvores, caso a PMA não tivesse realizado a fiscalização, segundo o site Bonito Notícias.

O gerente da fazenda de 47 anos, morador do local, assumiu a responsabilidade pela exploração. As atividades foram interditadas e ele foi atuado administrativamente e multado em R$ 300,00.

O infrator responderá pelo crime ambiental de exploração de madeira, que prevê pena de seis meses a um ano de detenção.

Jornal Midiamax