Cotidiano

Nível do Rio Paraguai sobe 5 cm com chuva, mas ainda abaixo do normal

A chuva que atingiu Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira (26) melhorou o nível do Rio Paraguai. Entretanto, ainda não foi suficiente para o tirar da situação de estiagem, segundo o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul). Conforme o boletim diário, o nível medido pela régua do 6º Distrito Naval de […]

Gabriel Maymone Publicado em 27/10/2020, às 09h53 - Atualizado às 14h09

Rio Paraguai possui níveis mais baixos em anos. (Foto: reprodução/Jornal Última Hora)
Rio Paraguai possui níveis mais baixos em anos. (Foto: reprodução/Jornal Última Hora) - Rio Paraguai possui níveis mais baixos em anos. (Foto: reprodução/Jornal Última Hora)

A chuva que atingiu Mato Grosso do Sul nesta segunda-feira (26) melhorou o nível do Rio Paraguai. Entretanto, ainda não foi suficiente para o tirar da situação de estiagem, segundo o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

Conforme o boletim diário, o nível medido pela régua do 6º Distrito Naval de Ladário – a mais antiga em funcionamento em MS – marcou -27cm, o mesmo nível alcançado no dia 13.

Na semana passada, o nível do rio atingiu o menor patamar dos últimos anos, alcançando a marca de -32cm.

O analista de recursos hídricos, Lincoln Curado, explicou que ainda falta a constante de chuvas intensas para que os rios do Estado saiam da situação de estiagem e alcancem a normalidade. “A chuva para influenciar no nível rio Paraguai precisa ser mais constante”, disse.

Veja os níveis mais baixos medidos pela régua de Ladário:

  1. Setembro de 1964: -64 cm
  2. Setembro de 1971: -57 cm
  3. Outubro de 1967: -53cm
  4. Setembro de 1969: -53cm
  5. Outubro de 1910: -48cm
Jornal Midiamax