Cotidiano

Janelas abertas: Especialistas afirmam que ar fresco é arma contra coronavírus

Segundo com um dos médicos que faz parte da pesquisa, é inaceitável que pessoas ainda mantenham as janelas fechadas.

Dândara Genelhú Publicado em 29/12/2020, às 12h11

Foto: Freepik.
Foto: Freepik. - Foto: Freepik.

De acordo com artigo publicado no site da BBC News, o ar fresco pode ser um grande aliado contra o coronavírus. Segundo com um dos médicos que faz parte da pesquisa, é inaceitável que pessoas ainda mantenham as janelas fechadas.

Shaun Fitzgerald e Eilir Hughes fazem parte do grupo de especialistas que se preocupam em como o coronavírus, causador da Covid-19, se acumula nos espaços com pouca ventilação. Assim, para eles, é preciso que as autoridades ressaltem a importância do ar fresco.

O médico Eilir Hughes, diretor de um centro de saúde no Reino Unido, destaca que o recado do governo britânico de “mãos, distanciamento, rosto” não é suficiente contra o vírus. Então, o profissional da saúde defende que uma simples brisa de ar fresco em uma sala pode reduzir drasticamente o risco das pessoas serem infectadas.

Segundo a publicação do portal Notícias ao Minuto, em julho a OMS (Organização Mundial da Saúde) afirmou que existe a possibilidade do coronavírus ser espalhado por gotículas expelidas por tosse e espirros. Assim, a Organização destacou que essas partículas microscópicas expelidas pela respiração e fala permanecem suspensas no ar e podem causar a infecção de novas pessoas.

No mesmo sentido, Shaun Fitzgerald, que é professor de Engenharia da Universidade de Cambridge, acredita que é essencial deixar as janelas abertas. A medida seria uma das mais importantes para combate ao coronavírus, segundo o professor.

Fitzgerald comenta que pesquisas revelam que ar fresco nos ambientes pode dispersar o vírus. Então, o risco de infecção seria diminuído entre 70% a 80%.

Jornal Midiamax