Cotidiano

Guitarras do século 19 são atração no último dia do Festival Internacional de Violão

Guitarras do século 19 são atração no último dia do Festival Internacional de Violão da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). A atração serão os músicos Max Riccio e Marcos Pablo Dalmacio. A transmissão, às 19h, será pelo canal da TV UFMS no YouTube na próxima quinta-feira (19). Para a última noite de […]

Diego Alves Publicado em 14/11/2020, às 16h48 - Atualizado às 18h01

None

Guitarras do século 19 são atração no último dia do Festival Internacional de Violão da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). A atração serão os músicos Max Riccio e Marcos Pablo Dalmacio. A transmissão, às 19h, será pelo canal da TV UFMS no YouTube na próxima quinta-feira (19).

Para a última noite de festival, o instrumentista Max Riccio preparou um repertório com obras de Bartolomeo Bortolazzi, um importante músico do século 19 nascido na Itália e naturalizado brasileiro; e obras do compositor pernambucano Quincas Laranjeiras.

Max irá apresentar duas guitarras do século 19: a primeira é a guitarra romântica, que fez parte da primeira metade do século, e a segunda é o violão de tradição espanhola, que faz parte da transição para o século 20.

O músico atua no cenário do violão de concerto, tanto solo como em música de câmara, com o duo The Biedermeiers, o qual tem dois discos gravados. “A gente fez a turnê de lançamento do segundo disco na Itália e ganhamos uma certa notoriedade nessa prática de música antiga, especialmente do século 19, com esse duo, e então eu mantenho o duo e também trabalho como carreira solo”, explica.

A apresentação também terá a presença do multi-instrumentista e compositor Marcos Pablo Dalmácio. Natural da Argentina, ele tem atuado junto a orquestras e quartetos de cordas do Brasil e de seu país natal em música de câmara e concertos para violão e orquestra.

Marcos Pablo é mestre em Música pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) na área de Musicologia com a dissertação “A sonata para guitarra na Viena de Beethoven e Schubert”, e possui os títulos de professor de violão, pelo Conservatório Isaías Orbe de Tandil, e professor superior de violão, pelo Conservatório Luis Gianneo de Mar del Plata, ambos da província de Buenos Aires.

O Festival

De 16 a 25 de novembro será realizada a sexta edição do Festival Mais Cultura, evento anual que reúne apresentações culturais e artísticas, além de palestras e minicursos. (Informações da assessoria)

Jornal Midiamax