Cotidiano

Governo publica termo de treinamento realizado para cidades com surto de coronavírus

Um extrato de acordo de cooperação técnica para medidas de enfrentamento ao coronavírus em Guia Lopes da Laguna, um dos municípios com maior incidência da doença no Brasil e em Jardim, com mais de 30 casos, foi celebrado com a Unimed Campo Grande, para treinar e capacitar profissionais para atenderem pacientes com Covid-19.  A publicação […]

Renata Volpe Publicado em 29/05/2020, às 08h33 - Atualizado às 09h53

Ponte Velha, que liga Guia Lopes a Jardim. Profissionais de saúde dos municípios vão receber treinamento. (Divulgação)
Ponte Velha, que liga Guia Lopes a Jardim. Profissionais de saúde dos municípios vão receber treinamento. (Divulgação) - Ponte Velha, que liga Guia Lopes a Jardim. Profissionais de saúde dos municípios vão receber treinamento. (Divulgação)

Um extrato de acordo de cooperação técnica para medidas de enfrentamento ao coronavírus em Guia Lopes da Laguna, um dos municípios com maior incidência da doença no Brasil e em Jardim, com mais de 30 casos, foi celebrado com a Unimed Campo Grande, para treinar e capacitar profissionais para atenderem pacientes com Covid-19. 

A publicação está no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (29). A Unimed Campo Grande vai disponibilizar equipe técnica para treinamentos, capacitações e demonstrações com modelos simulados, a ser ministrados aos profissionais de saúde responsáveis por enfrentar e tratar as pessoas infectadas pelo novo coronavírus, aplicando-se a orientação técnica necessária, inclusive, quanto aos fluxos de atendimentos/orientação da população e controle e dispensação de estoques. 

Segundo o termo, a Unimed vai colocar à disposição a sua equipe de profissionais da saúde, entre eles, médicos e enfermeiros e fisioterapeutas, que inclusive, vão se deslocar até os municípios de Guia Lopes da Laguna e Jardim. 

Também será disponibilizado às duas cidades, o sistema de aconselhamento e orientação promovido por médicos infectologistas por telefone, assim como disponibilizará um ambiente virtual para reunião para que sejam feitas exposições e orientações para as equipes de saúde locais. 

O acordo de cooperação técnica tem objetivo de contribuir com as medidas públicas de enfrentamento ao Covid-19, com caráter humanitário e solidário, e por isso, não haverá remuneração pelos serviços prestados e não há qualquer interesse financeiro com as medidas previstas. 

Ainda conforme a publicação, não haverá qualquer repasse financeiro em decorrência da assinatura ou cumprimento do acordo. A cooperação tem prazo de vigência de 30 dias, podendo ser prorrogado por igual período, por comum acordo entre as partes e mediante termo aditivo. O treinamento aconteceu no início deste semana.

Jornal Midiamax