Cotidiano

Fique atento: 47,1 mil condutores de MS estão com a CNH vencida

Pelo menos 47,1 mil condutores de MS estão com a CNH vencida. Este é o total de avisos por correspondência que o Detran-MS enviou.

Dândara Genelhú Publicado em 11/12/2020, às 14h03

Empresa é responsável por emissão de CNH durante o governo de Reinaldo Azambuja | Foto: Arquivo
Empresa é responsável por emissão de CNH durante o governo de Reinaldo Azambuja | Foto: Arquivo - Empresa é responsável por emissão de CNH durante o governo de Reinaldo Azambuja | Foto: Arquivo

Pelo menos 47,1 mil condutores de Mato Grosso do Sul estão com a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) vencida. Este é o total de correspondências que o Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de MS) encaminhou para os sul-mato-grossenses atualizarem a situação com o Departamento.

De acordo com o Detran-MS, as CNHs desses condutores venceram entre1º de janeiro de 2017 e 18 de fevereiro de 2020. Assim, o condutor precisa renovar a CNH. O processo pode ser realizado por meio de agendamento online.

Para os campo-grandenses, a diretora de Habilitação, Lina Issa Zeinab, explica o processo. “Se você mora em Campo Grande, após o pagamento da guia deve agendar no site o dia e o horário do exame, tirar uma nova foto na agência e realizar o exame médico”, detalha.

Caso um motorista ou piloto seja parado em uma operação de trânsito, a carteira vencida pode gerar multas e penalizações. Segundo o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), dirigir com a habilitação vencida há mais de trinta dias é considerada infração gravíssima. Por fim, é importante saber que nessa situação o condutor recebe sete pontos na carteira de motorista, multa de R$ 293,47, perde a CNH e pode ter até o veículo retido.

Jornal Midiamax