Cotidiano

Filhote de jacaré é flagrado atravessando a rua no centro de cidade em MS

Morador acionou a PMA (Polícia Militar Ambiental) depois de ver um filhote de jacaré atravessando a rua em frente a sua casa, no centro de Miranda, a 200km de Campo Grande. Os militares utilizaram cambões para capturar o animal e colocá-lo em uma caixa de contenção. Como o jacaré não apresentava ferimentos, ele foi solto […]

Gabriel Maymone Publicado em 14/12/2020, às 09h55

Filhote foi capturado e devolvido ao Pantanal pela PMA. (Foto: Divulgação / PMA)
Filhote foi capturado e devolvido ao Pantanal pela PMA. (Foto: Divulgação / PMA) - Filhote foi capturado e devolvido ao Pantanal pela PMA. (Foto: Divulgação / PMA)

Morador acionou a PMA (Polícia Militar Ambiental) depois de ver um filhote de jacaré atravessando a rua em frente a sua casa, no centro de Miranda, a 200km de Campo Grande.

Os militares utilizaram cambões para capturar o animal e colocá-lo em uma caixa de contenção. Como o jacaré não apresentava ferimentos, ele foi solto no Pantanal, seu habitat natural, distante da cidade.

O jacaré característico do Pantanal mede entre dois a três metros de comprimento e seu padrão de coloração é bastante variado. A sua dieta é constituída por peixe, moluscos e crustáceos. As fezes desse jacaré servem de alimento para muitos peixes.

Assim, a PMA orienta que se algum morador avistar um animal silvestre, a recomendação é se afastar e acionar a PMA. “Pedimos compreensão da população. Às vezes não é caso de captura, basta se manter longe para que o animal possa voltar ao seu habitat. Se for caso de captura, as vezes vai demorar um pouco para a chegada da equipe. Em Campo Grande já teve casos de em um dia, a PMA capturar 7 animais”, explica o porta voz da corporação tenente-coronel Ednilson Queiroz.

Jornal Midiamax