Cotidiano

Em protesto contra eleição, Estrada Bioceânica é fechada na fronteira da Bolívia com Corumbá

A estrada Bioceânica, na cidade de Puerto Suárez, que liga a Bolívia ao município de Corumbá, está bloqueada desde a 00h desta quinta-feira (5). A ação faz parte do protesto civil organizado pelo Comitê Pró Santa Cruz, que determinou pontos de bloqueio em todas as estradas que ligam a cidade de Santa Cruz de La […]

Ranziel Oliveira Publicado em 05/11/2020, às 16h22 - Atualizado às 16h27

( Foto: Diário Corumbaense)
( Foto: Diário Corumbaense) - ( Foto: Diário Corumbaense)

A estrada Bioceânica, na cidade de Puerto Suárez, que liga a Bolívia ao município de Corumbá, está bloqueada desde a 00h desta quinta-feira (5). A ação faz parte do protesto civil organizado pelo Comitê Pró Santa Cruz, que determinou pontos de bloqueio em todas as estradas que ligam a cidade de Santa Cruz de La Sierra ao resto do país.

Segundo o site Diário Corumbaense os organizadores exigem uma auditoria nas eleições presidenciais e o adiamento da posse do presidente eleito Luis Arce, por suposta fraude no pleito. Além de Puerto Suárez, a Bioceância está bloqueada na região da Chiquitania e Pailon.

“Neste paro cívico de hoje, somente fechamos a estrada em Puerto Suárez. A fronteira com Corumbá, está aberta, isso para dar tranquilidade para os irmãos brasileiros e também aos próprios bolivianos que cruzam os dois países. É um bloqueio de 48h, sendo que iremos aguardar determinações do nosso presidente do Comitê Pró Santa Cruz, para os próximos dias, podendo então, realizar um bloqueio de forma indefinida”, explicou Marcelito Moreira, presidente do Comitê Cívico da Província German Busch.

Segundo Fernando Larach, presidente do Comitê Cívico Provincial, até à madrugada de hoje eram cerca de 30 pontos de bloqueio.

Jornal Midiamax