Cotidiano

Dourados já ocupa 54% dos leitos hospitalares disponíveis

Maior cidade do interior de Mato Grosso do Sul, Dourados, que enfrenta surto de coronavírus, com  1.964 casos, já ocupa 54% dos leitos hospitalares disponíveis no município pelo SUS (Sistema Único de Saúde) e pode entrar em colapso, caso o número de internações continue em crescimento. Segundo dados fornecidos pela SES ( Secretaria Estadual de […]

Marcos Morandi Publicado em 24/06/2020, às 07h02

Foto: Ilustrativa.
Foto: Ilustrativa. - Foto: Ilustrativa.

Maior cidade do interior de Mato Grosso do Sul, Dourados, que enfrenta surto de coronavírus, com  1.964 casos, já ocupa 54% dos leitos hospitalares disponíveis no município pelo SUS (Sistema Único de Saúde) e pode entrar em colapso, caso o número de internações continue em crescimento.

Segundo dados fornecidos pela SES ( Secretaria Estadual de Saúde), dos 102 leitos UTI-SUS de Dourados,  20% são ocupados por pacientes confirmados com coronavírus, ou por suspeitos, que também representam 9% dessas internações.

Os demais leitos, 25%, são ocupados por pacientes que foram classificados pela SES como “não Covid-19”. Além da demanda local, Dourados atende outros 33 municípios que fazem parte da macrorregião.

Das 1.964 testagens positivas, segundo levantamento do Comitê de Gerenciamento de Crise do Coronavírus, 857 pessoas já foram recuperadas, enquanto que 1.058 continuam em isolamento domiciliar.

Desse total, 56 pessoas estão em unidades hospitalares. Além disso, os números apontam uma diminuição no número de internações hospitalares, que caiu de 60 para 56.

Segundo dados do Comitê, 29 pessoas ocupam vagas em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) e 27 estão em leitos de enfermarias. Os pacientes  considerados mais graves ocupam vagas em unidades hospitalares da rede pública.

Jornal Midiamax