Cotidiano

Coronavírus: coleta de swab será feita em 12 unidades de saúde em Campo Grande

A coleta de Swab está sendo ampliada para mais unidades de saúde de Campo Grande e a partir de segunda-feira (21), 12 delas – em todas as regiões -, passarão a fazer os exames para diagnóstico da Covid-19. Quatro unidades já realizam a coleta do material biológico na Capital. De acordo com a prefeitura, dDesde o […]

Dayene Paz Publicado em 18/09/2020, às 12h17 - Atualizado às 12h18

Exame Swab. Imagem: Divulgação
Exame Swab. Imagem: Divulgação - Exame Swab. Imagem: Divulgação

A coleta de Swab está sendo ampliada para mais unidades de saúde de Campo Grande e a partir de segunda-feira (21), 12 delas – em todas as regiões -, passarão a fazer os exames para diagnóstico da Covid-19. Quatro unidades já realizam a coleta do material biológico na Capital.

De acordo com a prefeitura, dDesde o dia 08 desse mês quem apresenta sintomas da doença pode procurar pelas Unidades de Saúde da Família (USFs) Batistão, Parque do Sol, 26 de Agosto e Tiradentes, onde é possível fazer o agendamento da coleta do material para poucos dias depois de comparecer à unidade.

No início desta semana equipes das USFs Dona Neta, Moreninha, Vila Nasser, Oliveira, Nova Bahia, São Francisco, Aero Itália e Albino Coimbra receberam o treinamento para também iniciarem a coleta do swab, com isso, unidades de todas as regiões da cidade passarão a fazer o exame.

A proposta é que, até o mês que vem, sejam 20 unidades da Capital realizando a coleta dos exames.

Quem deve procurar?

“É importante lembrar que não é somente chegar na unidade e pedir para agendar o exame, é necessário cumprir alguns critérios para ser considerado um caso suspeito, como febre alta, dor de cabeça, garganta ou qualquer outro sintoma característico da doença”, explica o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho.

Ele ainda reforça a importância de disponibilizar a realização do exame de forma mais fácil para a sociedade. “Hoje já temos o teste rápido em todas as unidades, mas ele só pode ser feito depois de oito dias de sintoma, o swab pode ser feito já no primeiro dia, e ter ele a disposição em todas as regiões da cidade faz com que não seja necessário se deslocar até o Polo de Triagem, em alguns casos pegando até três ônibus, para ter esse atendimento”, conclui.

Redução da demanda

Com a ampliação da oferta dos testes na rede pública de Campo Grande, houve também uma queda significativa nas buscas por atendimentos no Polo de Triagem da Covid-19, sendo realizados, desde de o dia 08 de setembro, uma média de 207 procedimentos por dia, metade da média registrada em julho, quando teve a maior quantidade de atendimentos registrada.

Para o secretário, a estrutura montada no parque Ayrton Senna cumpriu o que foi proposto inicialmente. “Era um local arejado, para atendimento exclusivo de pacientes sintomáticos respiratórios e que conseguiu absorver a demanda nos momentos em que a doença mais se espalhou pela cidade”.

Jornal Midiamax