Cotidiano

Coronavírus avança e toque de recolher é prorrogado até 1º de julho em Campo Grande

Com avanço do coronavírus, toque de recolher é prorrogado por mais 30 dias em Campo Grande Devido ao avanço do coronavírus em todo o estado de Mato Grosso do Sul, a prefeitura de Campo Grande prorrogou o toque de recolher por mais 30 dias. De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), o decreto que […]

Dândara Genelhú Publicado em 01/06/2020, às 14h17 - Atualizado em 02/06/2020, às 12h28

Foto: Reprodução.
Foto: Reprodução. - Foto: Reprodução.

Com avanço do coronavírus, toque de recolher é prorrogado por mais 30 dias em Campo Grande
Devido ao avanço do coronavírus em todo o estado de Mato Grosso do Sul, a prefeitura de Campo Grande prorrogou o toque de recolher por mais 30 dias. De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), o decreto que oficializa a medida deve ser publicado na tarde desta segunda-feira (01).

“A prefeitura prorroga agora, num decreto que vai sair na parte da tarde, o toque de recolher”, anunciou em transmissão ao vivo. Estendido “por mais 30 dias”, o horário do toque de recolher não será alterado, pois segundo o prefeito, “os técnicos chegaram a conclusão de que ainda não é o momento”.

Em Campo Grande, o toque de recolher continua valendo das 00h às 05h do dia seguinte. Marquinhos explicou que caso haja “agravamento da situação ou um número maior de desobediência” a prefeitura poderá repensar o horário estabelecido para a medida. O decreto deve ser publicado nesta segunda no Diário Oficial.

Caso alguma dessas situações ocorra, o toque de recolher começar mais cedo. “Como era no início, começava às 22h e acabava às 05h”, lembrou o prefeito.

Jornal Midiamax