Cotidiano

Considerada ‘muito distante’, USF Vila Fernanda tem um médico para atender em Campo Grande

Moradores do bairro Vila Fernanda têm enfrentado dificuldades para atendimento médico em Campo Grande. No posto de saúde do bairro, profissionais de saúde pediram demissão e restou apenas um médico para atendimento aos pacientes. Moradores alegam que a ‘debandada’ de médicos acontece devido à distância, o bairro seria considerado longe demais.  A Sesau (Secretaria Municipal […]

Mylena Rocha Publicado em 16/12/2020, às 08h55

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação

Moradores do bairro Vila Fernanda têm enfrentado dificuldades para atendimento médico em Campo Grande. No posto de saúde do bairro, profissionais de saúde pediram demissão e restou apenas um médico para atendimento aos pacientes. Moradores alegam que a ‘debandada’ de médicos acontece devido à distância, o bairro seria considerado longe demais. 

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) explica que teve um problema com o quadro de funcionários da USF (Unidade de Saúde da Família) Vila Fernanda por conta do pedido de demissão de alguns profissionais. A secretaria afirma que o problema deve ser sanado em breve, já que a convocação de novos profissionais já foi feita para compor o quadro médico da unidade.

Enquanto isso, o posto de saúde continua com apenas um médico, mas a Sesau ressalta que moradores podem procurar atendimento em outro posto de saúde próximo. “Enquanto esses profissionais não se apresentam para assumir os cargos, todos os pacientes são acolhidos e, quando possível, orientados a procurar uma das unidades próximas para atendimento; tais locais já estão cientes da situação na USF e prestam apoio à equipe”, informou.

Os moradores afirmam que a distância é um dos motivos pelo qual o posto de saúde da Vila Fernanda enfrenta falta de profissionais. “Todos eles reclamam da distância. Quando o médico assume, ele já sabe que pode mudar para [outro posto] mais perto”, disse um dos moradores.

Fala Povo – o WhatsApp do Jornal Midiamax

As imagens foram enviadas ao Fala Povo, o WhatsApp do Jornal Midiamax, no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax