Cotidiano

Com 76 vagas, candidatos fazem prova de residência multiprofissional em Campo Grande

Concorrendo a 76 vagas de residência multiprofissional, 912 candidatos realizam prova na manhã deste domingo (9) na Unigran, em Campo Grande. A prova é uma parceria entre a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) e é considerada a maior do país. Às 8h15 os portões foram fechados e os candidatos […]

Mariane Chianezi Publicado em 09/02/2020, às 10h44 - Atualizado às 13h08

(Foto: Divulgação/Sesau
(Foto: Divulgação/Sesau - (Foto: Divulgação/Sesau

Concorrendo a 76 vagas de residência multiprofissional, 912 candidatos realizam prova na manhã deste domingo (9) na Unigran, em Campo Grande. A prova é uma parceria entre a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) e é considerada a maior do país.

Às 8h15 os portões foram fechados e os candidatos que aguardavam nas salas de aula esperavam para o início da prova. O caderno de questões é composto por quarenta perguntas objetivas de múltipla escolha e uma discursiva, que consistirá na análise de situações e problemas relacionados à prática na Estratégia de Saúde da Família e a temas gerais das Políticas de Saúde, Saúde Pública e Epidemiologia.

Já com os portões fechados e os candidatos em sala, o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho, fez questão de cumprimentar os concorrentes. “Esse é o maior concurso de residência multiprofissional do país, e podem ter certeza que os 76 selecionados que estão presentes aqui serão muito bem vindos na rede, nós precisamos de vocês”, encorajou os candidatos.

Se inscreveram no certame pessoas do Piauí, Pará, Paraná, Acre, Mato Grosso, Rondônia, Rio de Janeiro e São Paulo, além de candidatos de todo o estado. As bolsas serão de R$ 3 330,46 para as áreas de enfermagem, fisioterapia, educação física, psicologia, serviço social, odontologia e farmácia.

O número maior de vagas é da área hospitalar, sendo 33, com 12 candidatos concorrendo por vaga. Educação Física, por exemplo, em 5 vagas e tem 15 pessoas disputando a prova.

Próximas etapas

Amanhã (10), os candidatos já terão acesso ao gabarito oficial preliminar, que será disponibilizado aqui, podendo recorrer das respostas entre os dias 10 e 11 de fevereiro.

No próximo dia 14, será divulgado o gabarito oficial definitivo, sendo as matrículas feitas entre os dias 19 e 20 de fevereiro. As aulas começam no dia 2 de março.

Laboratório de Inovação em Atenção Primária à Saúde Forte

Assim como o programa de residência médica em medicina da saúde e comunidade, a residência multidisciplinar em residência da família e comunidade faz parte do Laboratório de Inovação da Fiocruz.  O projeto irá beneficiar nove Unidades de Saúde da Família de Campo Grande, com reformas estruturais e a qualificação de profissionais para atuar nesses locais.

Campo Grande entrou em 2018 para o seleto grupo que integra o Laboratório de Inovação em Atenção Primária à Saúde Forte (APS Forte), desenvolvido pela Organização Pan – Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) no Brasil. Atualmente, a cobertura populacional da APS em Campo Grande é superior a 60%, um salto do que era em janeiro de 2017, quando registrava cerca de 35% de cobertura populacional.

Jornal Midiamax