Cotidiano

Com 608 casos de coronavírus em Campo Grande, 53% da população do Jardim Carioca se manteve isolada

Campo Grande registra nesta sexta-feira (12) 608 casos de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, com 8 mortes e no início do feriado prolongado, que começou ontem (11), 53% da população moradora do Jardim Carioca, ficou isolada. Os números foram divulgados pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD) em live transmitida nesta manhã. A Prefeitura de Campo Grande […]

Renata Volpe Publicado em 12/06/2020, às 13h02 - Atualizado em 07/07/2020, às 16h22

Prefeito Marquinhos Trad durante balanço nesta sexta-feira (12). (Reprodução)
Prefeito Marquinhos Trad durante balanço nesta sexta-feira (12). (Reprodução) - Prefeito Marquinhos Trad durante balanço nesta sexta-feira (12). (Reprodução)

Campo Grande registra nesta sexta-feira (12) 608 casos de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, com 8 mortes e no início do feriado prolongado, que começou ontem (11), 53% da população moradora do Jardim Carioca, ficou isolada. Os números foram divulgados pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD) em live transmitida nesta manhã. A Prefeitura de Campo Grande está monitorando os casos de isolamento social.

Além do Jardim Carioca, o bairro Copafé também teve taxa de isolamento de 53%, seguido pelo Amambaí, com 52% das pessoas que ficaram em casa para conter a disseminação da Covid-19.

O prefeito também divulgou os bairros onde as pessoas não se isolaram. “Vila Morumbi com 25% de isolamento, no Recanto das Paineiras, 29% e Mata do Jacinto com 29%”.

Segundo Trad, os números preocupam. “Não temos vacina, remédio, injeção para afastar o coronavírus. A medida que a ciência nos deu, foi o isolamento, permanecer em casa”.

Contudo, o prefeito orientou que se for preciso sair de casa, é para usar a máscara. “Boa parte da população acha que já passou, não é isso, se tiver que sair de casa leve sua máscara. As pessoas estão sendo vistas nas ruas sem as máscaras que ficam na bolsa. Por favor, use a máscara para o seu bem, para o bem da sua família”.

Sobre o comércio, o prefeito informou ter recebido reclamações que os funcionários não estão usando máscaras. “Fizemos compromisso com a CDL, comércio pediu para reabrir, pediu horário diferenciado, para ter abrangência maior, por isso, cumpram a parte de vocês. Orientem os funcionários”.

Refis

Os números do Refis também foram atualizados pelo prefeito. Até o dia 10, a prefeitura recebeu R$ 620.845,76, desde o início do Refis, valor destinado para saúde pública. Até o momento, o Refis arrecadou R$ 4.124.425,08 para uma folha de R$ 120 milhões.

Barreiras sanitárias

De segunda-feira até ontem (11), 10.562 veículos foram abordados nas 3 barreiras sanitárias em Campo Grande, 11 passageiros pediram pra fazer teste, testando negativo; 21.282 mil pessoas orientadas e 36 pessoas fizeram testes, também com resultado negativo.

Médicos e equipamentos

A Prefeitura de Campo Grande recebeu nesta sexta-feira (12) do Governo Federal 20 novos respiradores. “Esperamos não usá-los, mas agradecemos ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministério da Saúde. Os equipamentos serão instalados em leitos de retaguarda”

Ainda segundo Trad, a prefeitura chamou mais novos 23 médicos para atuação no combate a Covid-19. “A escala tem causado estresse e estamos renovando. Foram convocados plantonistas 24 horas, 11 residentes e médicos ambulatoriais”.

Jornal Midiamax