Com 5° maior número desde 2012, MS registra mais de 24 mil notificações da dengue

O número de notificações por parte da dengue segue aumentando em Mato Grosso do Sul. Com a nova atualização dos dados divulgados nesta quinta-feira (5) através do boletim epidemiológico da SES (Secretaria de Estado de Saúde), o Estado que já assumiu o quinto maior número desde 2012, registra 24.416 notificações. O número supera os anos […]
| 05/03/2020
- 20:25
Mosquitos com a bactéria serão soltos em sete bairros. Foto: Joao Paulo Burini/Getty Images
Mosquitos com a bactéria serão soltos em sete bairros. Foto: Joao Paulo Burini/Getty Images - Mosquitos com a bactéria serão soltos em sete bairros. Foto: Joao Paulo Burini/Getty Images

O número de por parte da dengue segue aumentando em Mato Grosso do Sul. Com a nova atualização dos dados divulgados nesta quinta-feira (5) através do da SES (Secretaria de Estado de Saúde), o Estado que já assumiu o quinto maior número desde 2012, registra 24.416 notificações.

O número supera os anos de 2012 que havia registrado 17.849, assim como 2014 com 9.626, 2017 com 7.276 e 2018 que registrou 10.765 notificações da doença. O ano de 2020 só perde para os anos de 2013, 2015, 2016 e 2019 que registraram 99.748, 48.584, 65.505 e 82.090, respectivamente.

No boletim, os casos confirmados saltaram de 6.559 para 8.162. A cidade de Campo Grande segue liderando o ranking com 3.030 casos confirmados, seguido por Três Lagoas (1.007), Chapadão do Sul (330), Brasilândia (270) e Sonora (238).

O número de mortes não sofreu alteração após a atualização e segue com 13 óbitos registrados nas cidades de Corumbá (2), Sete Quedas (1), Campo Grande (4), Cassilândia (1), Pedro Gomes (1), Nova Andradina (1), Caarapó (1), São Gabriel do Oeste (1) e Bodoquena (1).

Veja também

Chuva que antecede mudança drástica nas temperaturas chegou com ventos consideráveis e raios na noite...

Últimas notícias