Cotidiano

Bombeiros continuam com combates a incêndio na Serra do Amolar

Os Bombeiros continuam com os combates a incêndio em vegetação na região da Serra do Amolar, distante do perímetro urbano de Corumbá aproximadamente 200 km pela via fluvial. A Reserva Particular do Patrimônio Natural Eliezer Batista tem sido duramente assolada pelos focos de incêndio, informa os militares. Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, […]

Diego Alves Publicado em 05/11/2020, às 23h20

Divulgação, Corpo de Bombeiros
Divulgação, Corpo de Bombeiros - Divulgação, Corpo de Bombeiros

Os Bombeiros continuam com os combates a incêndio em vegetação na região da Serra do Amolar, distante do perímetro urbano de Corumbá aproximadamente 200 km pela via fluvial.

A Reserva Particular do Patrimônio Natural Eliezer Batista tem sido duramente assolada pelos focos de incêndio, informa os militares.

Ainda de acordo com o Corpo de Bombeiros, o curto período chuvoso na região não foi o suficiente para manter a vegetação encharcada e a humidade relativa alta. Com isso, devido à grande quantidade de matéria orgânica no solo os focos de calor persistem.

Segundo os militares, além da ação humana há também como possíveis causas os focos de incêndio em vegetação no estado vizinho que permeiam os limites estaduais.

Conforme monitoramento por satélite foi constatado o retorno dos incêndios na região do Amolar neste último final de semana. O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul e Ibama/Prevfog permaneceram por tempo indeterminado durante o atendimento a incêndios na Reserva Natural.

Jornal Midiamax