Cotidiano

As relações entre o cristianismo e a ciência são temas de seminário na UFMS

No dia 5 de novembro, será transmitido pelo Youtube, o Seminário On-line Cristianismo e Ciência. O evento é realizado pela UFMS, com apoio da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura, Associação Brasileira Cristãos na Ciência e Editora Monergismo. “O evento vai tratar de assuntos relacionados a questões fundamentais acerca do mundo […]

Diego Alves Publicado em 31/10/2020, às 21h37 - Atualizado às 22h07

(Foto: Marcos Ermínio)
(Foto: Marcos Ermínio) - (Foto: Marcos Ermínio)

No dia 5 de novembro, será transmitido pelo Youtube, o Seminário On-line Cristianismo e Ciência. O evento é realizado pela UFMS, com apoio da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura, Associação Brasileira Cristãos na Ciência e Editora Monergismo. “O evento vai tratar de assuntos relacionados a questões fundamentais acerca do mundo e nosso lugar no mundo. Muitas dessas questões possuem implicações para nossas vidas diárias, e todas elas são fascinantes e intelectualmente desafiadoras”, ressalta o coordenado do Seminário e professor da Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo e Geografia (Faeng) Johannes Janzen.

O evento é aberto a participação da comunidade acadêmica e público em geral. “Na UFMS, há o grupo de pesquisa Arte, Conhecimento e Cristianismo. O grupo propõe fomentar estudos que apontem para uma concepção integradora do ser humano, tomando como eixo para encaminhamento dos trabalhos a articulação entre três elementos centrais na constituição do ser e do fazer que caracterizam o mundo ocidental dos últimos milênios: o artístico, o cultural e o cristão”, comenta Johannes. De acordo com o professor, o seminário integra uma das ações do grupo que tem realizado eventos de formação, grupos de estudo, além de fomentar a produção científica e artística por meio de artigos e concertos.

“A relação deste evento com os cursos de graduação e de pós-graduação da UFMS se dará através da abordagem de assuntos que fazem parte da formação dos seus acadêmicos, tais como Epistemologia, Filosofia da Ciência, Filosofia da Religião, História da Ciência e Neurociência”, comenta Johannes.

De acordo com o professor, falar sobre a relação entre a ciência e o Cristianismo em um encontro científico parece, ainda, quebrar um tabu. Entretanto, segundo ele, durante os últimos anos surgiram grande quantidade de sociedades dedicadas ao diálogo entre ciência e religião. “Dentre as sociedades internacionais, podem ser citadas a Sociedade Europeia para Estudos da Ciência e Teologia, Fórum de Ciência e Religião, Centro Berkeley para Teologia e Ciência Natural. No Brasil, nós temos, por exemplo, a Associação Brasileira de Cristãos na Ciência (ABC²) que reúne pesquisadores de diversas áreas acadêmicas e profissionais do campo eclesiástico que professam a fé cristã que pensam, estudam e debatem a relação entre a ciência e fé a partir das mais diversas perspectivas (filosóficas, históricas, teológicas, educacionais, dentre outras) promovendo a comunicação e a integração entre a comunidade cristã e o campo científico no Brasil”, explica.

“Surgiram também nos últimos anos conferências patrocinadas, por exemplo, pelo Centro Berkeley e pelo Observatório do Vaticano, contando com a participação de proeminentes cientistas, como Stephen Hawking e Paul Davies, e teólogos, como John Polkinghorne e Wolfhart Pannenberg. Existem também periódicos dedicados ao diálogo entre ciência e religião, inclusive no contexto da educação de nível superior, como Zygon e Perspectivas na Ciência e Fé Cristã. Periódicos não especializados na relação ciência e teologia, como a Nature e o Jornal Britânico para Filosofia da Ciência, também têm publicado sobre este assunto. A Fundação Templeton, por exemplo, concede o prêmio Templeton para pensadores em Ciência e Religião”, fala o coordenador do Seminário.

Em relação às expectativas, o professor da Faeng ressalta que o seminário pode trazer muitas contribuições aos participantes como, estabelecer novos contatos com profissionais e pesquisadores da área de Ciência e Cristianismo, além do aprofundamento dos temas ligados às pesquisas do grupo Arte, conhecimento e Cristianismo da UFMS e dos programas de pós-graduação nesta área de outras instituições de pesquisa, bem como possibilitar a percepção do contexto educacional em uma dimensão mais ampla.

A programação e os QR Codes para participar do evento estão disponíveis no folheto eletrônico. Não haverá necessidade de inscrições prévias. (Informações da assessoria)

Jornal Midiamax