Cotidiano

Após chuva, moradores de 25 bairros de Campo Grande ficaram sem energia elétrica

Depois da chuva registrada na tarde de quinta-feira (3), foram 25 bairros afetados com a falta de energia elétrica em Campo Grande. Em algumas regiões, moradores estão sem luz há mais de 20 horas e relatam prejuízos. A Energisa aponta que houve rompimento de cabo durante a tempestade, deixando os moradores sem fornecimento de energia, […]

Mylena Rocha Publicado em 04/12/2020, às 12h48 - Atualizado às 13h44

Foto ilustrativa | Divulgação
Foto ilustrativa | Divulgação - Foto ilustrativa | Divulgação

Depois da chuva registrada na tarde de quinta-feira (3), foram 25 bairros afetados com a falta de energia elétrica em Campo Grande. Em algumas regiões, moradores estão sem luz há mais de 20 horas e relatam prejuízos. A Energisa aponta que houve rompimento de cabo durante a tempestade, deixando os moradores sem fornecimento de energia, mas afirma que as equipes foram reforçadas para atendimento. 

“A Energisa esclarece que o temporal de ontem foi muito severo e a violência dos ventos influenciou no número de árvores e objetos lançados à rede, rompendo cabos e danificando rede elétrica”, informou a concessionária. 

Um exemplo de quem enfrenta transtornos causados pela falta de energia elétrica é a professora Marilma Ana Ferreira da Silva. Ela mora no bairro Amambaí e afirma que está sem luz em casa desde as 16 horas de quinta-feira (3), quando um raio atingiu árvores da região. 

Após chuva, moradores de 25 bairros de Campo Grande ficaram sem energia elétrica
Fios de alta tensão ficaram caídos na rua. (Foto: Fala Povo/WhatsApp Midiamax)

“Ontem caiu um raio em uma árvore em frente a minha casa e danificou a rede elétrica, tem até um fio de alta tensão na calçada, podendo até eletrocutar alguém”, denuncia.

A concessionária informou que registrou um aumento de 100% das ocorrências emergenciais se comparado a dias normais e acionou seu plano de contingência para restabelecer o mais rápido possível a falta de energia nos bairros afetados. “Parte dos reparos são de alta complexidade, e por isso, a Energisa triplicou a quantidade de equipes nos atendimentos, com maior número de colaboradores e veículos”.

Em nota, a Energisa divulgou a lista com os bairros mais afetados pela falta de energia: Vila Nasser, Jardim Centenário, Santo Amaro, Vila Sobrinho, Jardim Panamá, Vila Popular, Amambai, Estrela Dalva, Vila Cruzeiro, Mata do Segredo, Rita Vieira, Nova Campo Grande, Mata do Jacinto, Jockey Club, Noroeste, Jardim Seminário, Monte Castelo, Moreninha, Nova Lima, Vila Carlota, Santo Antônio, Tiradentes, Jardim Paulista e Conjunto José Abrão.

Jornal Midiamax